Fittipaldi revela momento em que decidiu por aposentadoria

compartilhar
comentários
Fittipaldi revela momento em que decidiu por aposentadoria
Erick Gabriel
Por: Erick Gabriel
7 de ago de 2018 19:45

Piloto brasileiro que vai encerrar a carreira após as 24 Horas de Daytona disse que decisão foi recente

No último fim de semana, Christian Fittipaldi anunciou que vai se aposentar das pistas após as 24 Horas de Daytona em 2019, quando tentará a quarta conquista de uma das maiores provas do esporte a motor.

Com exclusividade, Christian falou sobre o momento em que decidiu que era hora de parar. Em junho, em entrevista na redação do Motorsport.com Brasil, o assunto foi abordado, mas admite que, àquela altura, não havia tomado a decisão.

“Eu tinha certeza de que você me perguntaria isso, juro”, disse Chiristian quando lembrado da entrevista. “Naquele momento não havia nada, isso aconteceu duas semanas depois.”

“Eu vou ser sincero: eu sabia que o dia estava cada vez mais próximo, eu não estava pensando tanto, mas sabia que eu estava com 90% da minha carreira, do que o ‘ainda tenho muita lenha para queimar’.”

“Daí eu fiz a corrida de Watkins Glen e fiz a corrida de Mosport (no Canadá) e quando terminei a classificação no sábado, eu falei pra mim, ‘acho que chegou a hora’ e eu tomei a decisão no sábado, logo depois da classificação de Mosport.”

Correndo de (quase) tudo

Christian Fittipaldi é o único piloto que competiu em três das principais categorias do automobilismo mundial, na F1, Indy e NASCAR, com passagens também em uma série de outras categorias.

Perguntado sobre se havia algum campeonato que ele tivesse sentido falta de competir, o sobrinho de Emerson Fittipaldi não titubeou.

“Acho que faltou o Australiano de Turismo. Das categorias de nível mais alto, a única que eu não participei foi essa.”

“Talvez ter guiado um carro de LMP1, um Toyota, um Audi, eu acho que se eu tivesse me colocado nessa posição, não hoje em dia, mas há alguns anos, talvez teria acontecido, mas eu estava fazendo outras coisas, correndo de Indy e depois fui para a NASCAR, ou seja, o timing nunca deu certo, mas  você não consegue fazer tudo.”

“Acho que o que eu já fiz e as oportunidades de poder correr em praticamente tudo no que existe no mundo, eu estou extremamente grato a todos que estiveram juntos comigo nessa viagem.”

Próxima IMSA matéria
Rubinho homenageia Christian após anuncio de aposentadoria

Previous article

Rubinho homenageia Christian após anuncio de aposentadoria

Next article

De olho na F-E, Derani faz teste com equipe Mahindra

De olho na F-E, Derani faz teste com equipe Mahindra
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1 , IndyCar , NASCAR Cup , IMSA
Pilotos Christian Fittipaldi
Autor Erick Gabriel
Tipo de matéria Entrevista