Rubinho aprova 2º lugar e quer correr em Daytona mais vezes

Brasileiro comemora boa prova após acordo em cima da hora para disputar 24 Horas de Daytona

Confirmado dias antes da largada das 24 Horas de Daytona, o piloto brasileiro Rubens Barrichello aprovou a sua participação na tradicional prova do automobilismo americano. Segundo colocado com a equipe Taylor Racing, Rubinho contou que enfrentou problemas no assento e teve dificuldades pelo pouco tempo de treino antes da corrida.

"Foi uma semana incrível. Obviamente, foi um acordo tardio. Eu só tive 20 minutos em condições de pista seca, e eu tive problemas com o meu assento”, disse.

"Assim que ele ficou quente, a espuma (na parte de trás do assento) se foi. Na primeira parte eu não estava confortável no carro. Eu estava muito cansado, parecia que eu estava dirigindo um carro de F1 durante 24 horas. Então eu corri com o assento antigo de (Taylor) Wayne, e foi fantástico"

Desde que deixou a Fórmula 1 em 2011, Rubens Barrichello correu uma temporada na Indy e, desde 2013, faz parte do grid da Stock Car, categoria em que foi campeão em 2014. Mas isso não impede de ele encaixar na agenda outras provas pelo mundo. Tanto que ele quer voltar a correr em Daytona.

"Estou satisfeito que terminei bem aqui depois de um acordo tão em cima da hora. Nós fomos o protótipo mais rápido em pista. Eu espero voltar. Eu amo essa série e realmente me diverti”.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IMSA
Tipo de artigo Últimas notícias