Atual campeão da IndyCar, Newgarden vence em Phoenix

Tony Kanaan foi o único brasileiro a terminar a prova, em oitavo; Matheus Leist e Pietro Fittipaldi abandonaram

A etapa de Phoenix, segunda da temporada 2018 da IndyCar, inaugurou na noite deste sábado a série de seis provas em circuitos ovais do calendário e a vitória acabou nas mãos do atual campeão da categoria, Josef Newgarden.

A segunda posição ficou com o novato Robert Wickens, seguido por Alexander Rossi em terceiro. Scott Dixon e Ryan Hunter-Reay completaram o top 5.

Em dia infeliz para os brasileiros Pietro Fittipaldi e Matheus Leist que abandonaram, Tony Kanaan foi o único a completar a prova na oitava posição.

A corrida 

Logo na largada, o francês Sebastien Bourdais arrancou forte e segurou a ponta, seguido por seu compatriota Simon Pagenaud. Terceiro do grid, Will Power não conseguiu acompanhar os líderes e foi superado por Alexander Rossi. 

Entre os brasileiros, Tony Kanaan conseguiu manter a nona posição da largada, enquanto Pietro Fittipaldi perdeu uma e caiu para 11º e Matheus Leist ganhou uma e subiu para 15º. 

Além de ter que segurar a pressão dos adversários, Bourdais enfrentou outro problema logo no início da corrida. Pouco antes da volta de aquecimento de pneus, o motor do carro do francês apagou e depois de religado, perdeu a telemetria, que manda, em tempo real, informações sobre o que acontece com o carro para a equipe.

 

Na volta 41, o Brasil sofreu a baixa de Pietro Fittipaldi, que escapou um pouco do traçado ideal, deixou o carro escorregar e bateu no muro de proteção. O acidente causou a primeira bandeira amarela da corrida.

 

Alguns pilotos aproveitaram a bandeira amarela e entraram nos pits para reabastecimento e troca de pneus, mas Bourdais e Rossi não foram muito felizes em seus pit stops. Bourdais travou as rodas na hora de parar e acabou acertando um mecânico e Rossi entrou em um ângulo errado, parou torto e precisou ser empurrado para ter seu carro posicionado na posição correta.

Por causa das trapalhadas em seus pitstops, Bourdais e Rossi acabaram punidos com uma passagem pelos pits cada um e deram adeus às suas chances de conseguirem bons resultados na corrida.

 

Na relargada, autorizada na 51ª volta, Will Power, que escolheu não parar na bandeira amarela e herdou a primeira posição, acelerou forte para segurar a liderança, seguido pelo atual campeão, Josef Newgarden em segundo e Robert Wickens em terceiro. 

Após o abandono de Fittipaldi, dois brasileiros seguiram na pista, Kanaan em sétimo e Leist em 17º. 

Na volta 121, outro brasileiro, desta vez Matheus Leist enfrentou problemas. O gaúcho, que fazia sua segunda parada nos pits, arrancou com seu carro antes de todas as rodas estarem presas e acabou perdendo a roda traseira esquerda de seu A.J. Foyt. Com isso, apenas Tony Kanaan seguiu representando o Brasil na pista, em nono.

 

Após todos os pilotos terem feito a segunda parada nos pits, James Hinchcliffe era o novo líder, mas não seguia tranquilo na ponta, pois era muito pressionado por Robert Wickens. A pressão foi tanta, que Wickens acabou superando Hinchcliffe e assumiu a liderança. 

Na volta 153, Will Power também abandonou após escorregar na parte suja da pista e bater com seu Penske no muro. Como o carro não deixou detritos na pista e conseguiu entrar nos pits, a bandeira amarela não foi agitada e a corrida seguiu normalmente. 

Outro que encontrou o muro do circuito de uma milha de Phoenix foi Kyle Kaiser, que também escorregou na parte suja da pista. 

Faltando 45 voltas para o final, Josef Newgarden assumiu a liderança depois que Sebastien Bourdais, último que faltava entrou nos pits para reabastecimento e troca de pneus, com Ed Jones em segundo e Robert Wickens em terceiro. 

Faltando 21 voltas para o final, Ed Jones bateu forte no muro e causou a segunda bandeira amarela da corrida.

 

Com safety car na pista, muitos pilotos, incluindo Newgarden, entraram nos pits para colocar pneus novos, em uma estratégia arriscada de acelerar com tudo nas voltas finais se aproveitando das boas condições dos compostos novos. 

A relargada foi autorizada a sete voltas para o final. Quarto colocado após sua última parada, Newgarden acelerou com tudo, passou os três adversários à sua frente para assumir a liderança e garantir a vitória em Phoenix.

Resultado

Cla #PilotoVoltasTempoGapIntervaloMphPitsAposentadoriaPontos
1   1 united_states Josef Newgarden  250 --       4    
2   6 canada Robert Wickens  250 2.9946 2.995 2.995   3    
3   27 united_states Alexander Rossi  250 3.4890 3.489 0.494   4    
4   9 new_zealand Scott Dixon  250 3.8175 3.818 0.329   4    
5   28 united_states Ryan Hunter-Reay  250 4.0122 4.012 0.195   4    
6   5 canada James Hinchcliffe  250 9.4497 9.450 5.438   3    
7   20 united_states Ed Carpenter  250 9.4731 9.473 0.023   4    
8   14 brazil Tony Kanaan  250 9.8650 9.865 0.392   4    
9   15 united_states Graham Rahal  250 10.1747 10.175 0.310   4    
10   22 france Simon Pagenaud  250 10.3247 10.325 0.150   4    
11   30 japan Takuma Sato  250 10.9443 10.944 0.620   4    
12   98 united_states Marco Andretti  249 1 lap 1 volta 1 volta   5    
13   18 france Sébastien Bourdais  249 1 lap 1 volta 0.000   5    
14   21 united_states Spencer Pigot  249 1 lap 1 volta 0.000   5    
15   88 colombia Gabby Chaves  249 1 lap 1 volta 0.000   4    
16   26 united_states Zach Veach  249 1 lap 1 volta 0.000   4    
17   23 united_kingdom Charlie Kimball  248 2 laps 2 voltas 1 volta   5    
18   59 united_kingdom Max Chilton  247 3 laps 3 voltas 1 volta   5    
19   4 brazil Matheus Leist  241 9 laps 9 voltas 6 voltas   6    
    10 united_arab_emirates Ed Jones  228 22 laps 22 voltas 13 voltas   3 Accident  
    32 united_states Kyle Kaiser  174 76 laps 76 voltas 54 voltas   3 Accident  
    12 australia Will Power  153 97 laps 97 voltas 21 voltas   3 Accident  
    19 brazil Pietro Fittipaldi  40 210 laps 210 voltas 113 voltas     Accident
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Evento Phoenix
Pista ISM Raceway
Tipo de artigo Últimas notícias