Bourdais é liberado para correr após grave acidente em Indy

Francês, que chegou a ser descartado para o restante da temporada, já se recuperou das fraturas que sofreu em maio, nas 500 Milhas de Indianápolis

Sebastien Bourdais afirmou que foi liberado pelos médicos para voltar às corridas, apesar de não ter sido confirmado ainda o seu retorno à Indy desde que sofreu seu terrível acidente nos treinos para as 500 Milhas de Indianápolis.

O francês foi afastado após bater feio em maio, em um impacto de 118G que lhe renderam fraturas na pelve e no quadril.

Ele passou por cirurgias e ficou cinco dias no hospital. Apesar de ter sido descartado para o restante da temporada, Bourdais voltou a um cockpit da Indy no mês passado, durante um teste em Mid-Ohio.  

Sua recuperação aparentemente deu mais um passo à frente. “Alguns devem ter se perguntado por que eu estive em Indianápolis hoje. Bem, tive meu compromisso final com o médico, e adivinhem só: está tudo liberado. Vamos voltar a correr”, publicou Bourdais em sua conta no Twitter.

Bourdais já havia indicado que não competiria em ovais até o fim da temporada, o que abre espaço para um possível retorno em Watkins Glen e Sonoma, no próximo mês. 

 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Pilotos Sébastien Bourdais
Equipes Dale Coyne Racing
Tipo de artigo Últimas notícias