Chefe da SMP Racing pretende levar Indy para Sochi

Boris Rotenberg não descarta ideia de fazer com que Sochi receba uma etapa da Indy e afirmou que vai lançar a ideia aos organizadores

O calendário atual da IndyCar traz provas somente nos Estados Unidos e Canadá. A última vez que a categoria saiu da América do Norte foi em São Paulo, em 2013. Foram planejadas provas em Brasília e Dubai em 2015, mas ambos projetos não deram certo.

A participação do piloto russo Mikhail Aleshin pela SMP Racing poderia ajudar a Indy a seguir viagem rumo à Rússia, no autódromo de Sochi.

"É claro que os fãs russos gostariam de ver essas corridas ao vivo, não só pela TV", disse Boris Rotenberg, da SMP. "A Indy é a categoria de monopostos mais espetacular que existe. Você nunca verá tamanha intensidade na F1, por exemplo."

"Seria ótimo sediar uma corrida em Sochi. Vamos falar com os organizadores."

Em 2016 a SMP Racing vai organizar uma etapa da Ferrari Challenge Europe no autódromo de Sochi, entre os dias 29 e 31 de julho.

Grupo de 54 pilotos

Aleshin é apenas um dos 54 pilotos que fazem parte do programa da equipe, sendo que a maior parte deles ainda ocupa categorias de base.

"Nosso objetivo global é fazer com que alguns pilotos russos sejam conhecidos no mundo todo", disse Rotenberg. "Para isso, é necessário um programa que permita que eles corram. E temos esse programa."

"Queremos ver essas crianças capacitadas e que alcancem grandes resultados, levando a bandeira russa pro alto do pódio, inclusive na F1."

Entrevistado por Sergey Bednaruk

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Pilotos Mikhail Aleshin
Tipo de artigo Últimas notícias