Com acidente grave de Wilson, Hunter-Reay vence segunda do ano

Campeão de 2012 supera Gabby Chaves com ousadia a poucas voltas do fim com Montoya em terceiro; Wilson sofre grave acidente

Ryan Hunter-Reay fez uma grande corrida em Pocono neste domingo (23). Ele ficou fora das muitas confusões da prova que teve 11 bandeiras amarelas para triunfar pela segunda vez na temporada de 2015. O piloto da Andretti conseguiu superar o estreante Gabby Chaves a poucas voltas do final no meio da sujeira na reta dos boxes pelo primeiro lugar.

Mas a corrida foi marcada por um forte acidente sofrido pelo britânico Justian Wilson a 20 voltas do fim. O também piloto da Andretti teve sua cabeça acertada pelo bico de Sage Karam, que havia batido à sua frente. Ele ficou desacordado no carro e teve de receber atendimento médico. Poucas informações foram divulgadas.

Os brasileiros, Tony Kanaan e Hélio Castroneves, também bateram. O líder do campeonato, Juan Pablo Montoya, foi o terceiro, logo atrás de Newgarden, e aumentou suas possibilidades de título na próxima corrida após Rahal não completar a prova e Dixon ser apenas nono. Apenas 11 carros dos 24 que largaram finalizaram na pista.

Na saída, o pole Castroneves perdeu a liderança para Pagenaud e foi surpreendido por Newgarden, que assumiu a ponta. O top-5 ficou com Newgarden, Pagenaud, Castroneves, Wilson e Power até a primeira parada nos boxes, entre as voltas 29 e 30. Aí surgiu a primeira bandeira amarela da prova, causada por Jack Hawksworth. O piloto saiu dos pits com o pneu traseiro direito mal colocado e acabou perdendo a roda.

Isso foi ruim para os pilotos da Penske, que ainda não haviam parado. Na relargada, o top-5 era Newgarden, Wilson, Munoz, Kanaan e Dixon. Logo na primeira curva, Bourdais saiu do traçado e acabou batendo, trazendo mais uma vez o Pace Car para a pista. Voltas depois Hawksworth bateu em Kimball na curva 1 e trouxe a terceira amarela para a corrida. Nesta janela de pits quem roubou a cena foi o Will Power, que rodou sozinho com pneus frios no box.

Vice-líder do campeonato por nove pontos ao entrar nesta prova, Graham Rahal teve problemas nos boxes no segundo reabastecimento e caiu para trás. Se recuperando, o piloto norte-americano foi acertado pelo francês Tristan Vautier na curva 3 na volta 94. O piloto abandonou a prova e tirou satisfação na pista com o rival. Na volta, Carpenter foi tocado por Jakes, o que trouxe a quarta intervenção do Pace Car.

Mas a corrida durou pouco, com Kanaan errando na curva 2 e batendo no muro de dentro. Uma volta depois da bandeira verde, mais uma amarela. Desta vez foi Marco Andretti quem acertou o muro. Com 50 voltas para o final, o top-10 era Pagenaud, Karam, Chaves, Munoz, Newgarden, Castroneves, Hunter-Reay, Montoya, Dixon e Sato.

A 39 voltas do fim, uma nova bandeira amarela apareceu, desta vez por uma raposa na pista. Todos foram para os pits para a última parada. Na relargada, Castroneves bateu e pela nona vez a prova foi neutralizada.

Com 20 voltas para o fim, a décima bandeira amarela apareceu com um acidente de Karam na curva 1. Um pedaço de seu carro atingiu a cabeça de Justin Wilson, que vinha mais atrás. O britânico ficou desacordado e bateu no muro de dentro. Ele teve de ser retirado do carro, o que fez com que a prova ficasse por 12 voltas com bandeira amarela. O top-5 era Chaves, Sato, Montoya, Hunter-Reay e Power.

Hunter-Reay foi agressivo na saída e passou o colombiano Chaves pela sujeira na reta dos boxes. A sorte acabou para Chaves duas voltas depois, quando foi obrigado a abandonar com problemas de motor.

A próxima corrida acontece no final de semana que vem, em Sonoma. Será a decisão do campeonato de 2015. A prova contará com pontos dobrados.

Confira o resultado:

 Pos.
Piloto Equipe/Motor Dif.
1
Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport/Honda 200 voltas
 2
Josef Newgarden CFH Racing/Chevrolet 0.1053s
 3
Juan Pablo Montoya Team Penske/Chevrolet 0.5696s
4
Will Power Team Penske/Chevrolet 1.4707s
5
Carlos Munoz Andretti Autosport/Honda 2.0003s
6
Takuma Sato AJ Foyt Enterprises/Honda 3.5167s
7
Simon Pagenaud Team Penske/Chevrolet 4.5025s
8
Ryan Briscoe Schmidt Peterson Motorsports/Honda 4.7997s
9
Scott Dixon Chip Ganassi Racing Team/Chevrolet 5.6857s
10
James Jakes Schmidt Peterson Motorsports/Honda 6.2994s
11
Gabby Chaves BHA with Curb-Agajanian/Honda a 3 voltas
12
Chalie Kimball Chip Ganassi Racing Team/Chevrolet a 7 voltas
13
Pippa Mann Dale Coyne Racing/Honda a 15 voltas
14 Sage Karam Chip Ganassi Racing Team/Chevrolet a 21 voltas
15 Justin Wilson Andretti Autosport/Honda a 21 voltas
16 Hélio Castroneves Team Penske/Chevrolet a 34 voltas
17
Ed Carpenter CFH Racing/Chevrolet a 44 voltas
18
Marco Andretti Andretti Autosport/Honda a 62 voltas
19
Tony Kanaan Chip Ganassi Racing Team/Chevrolet a 69 voltas
20
Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Racing/Honda a 108 voltas
21
Tristan Vautier Dale Coyne Racing/Honda a 108 voltas
22
Jack Hawksworth AJ Foyt Enterprises/Honda a 118 voltas
23
Sebastien Bourdais KVSH Racing/Chevrolet a 164 voltas
24 Stefano Colleti KV Racing Technology/Chevrolet a 181 voltas

 

Campeonato após 15 etapas:

Pos. Pilotos Pontos
1 Montoya 500
2 Rahal 466
3 Dixon 453
4 Power 439
5 Castroneves 423
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Evento Pocono
Sub-evento Domingo - corrida
Pista Pocono Raceway
Pilotos Ryan Hunter-Reay
Tipo de artigo Relato da corrida