Indy anuncia mudanças no regulamento para temporada 2016

Categoria confirma mudanças na aerodinâmica, no formato da classificação de Indianápolis, na redução dos limites de velocidade dos pits, entre outras alterações

A Indy anunciou na tarde de segunda-feira (21) mudanças nas regras da categoria válidas a partir de 2016. Um dos pontos mais discutidos do ano, a aerodinâmica dos carros em determinados circuitos foi um dos pontos atualizados pela série.

Em Indianápolis e Pocono os carros usarão a mesma configuração aerodinâmica de 2015, além da proteção nas rodas traseiras que foram inseridas na etapa do Texas deste ano.

Por falar no oval do oeste, os carros continuarão com a mesma configuração e terão mecanismos para o aumento do downforce.

No Iowa Speedway haverá uma ligeira redução no downforce, devido a diminuição no ângulo da asa traseira.

A etapa de Phoenix terá o mesmo pacote de Iowa de 2015.  

Nos ovais, o limite de velocidades nos pits cairá de 60 para 50 milhas por hora.

Os testes de orientação dos novatos para a Indy 500 tiveram suas velocidades aumentadas em 5milhas por hora.

Honda e Chevrolet vão utilizar combustível Sunoco E85R sem o aditivo (HiTEC 6590).

O push-to-pass também teve mudanças no número de cavalos. A partir do próximo ano, serão mais 20cv.

O peso mínimo dos carros será aumentado para acomodar melhorias na segurança.

Os 33 carros que farão a centésima edição das 500 Milhas de Indianápolis serão conhecidos logo no primeiro dia do treino classificatório, fazendo com que os períodos seguintes sejam dedicados somente às posições do grid. 

Indianápolis e Sonoma, etapa que finaliza a temporada, continuarão com pontuação dobrada, com o vencedor somando 100 pontos na tabela.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias
Tags domed skidplate, indy 500 points, rookie, technical changes