Indy define traçado para corrida no misto de Indianápolis

Nova pista terá sentido horário e adaptações em relação ao traçado utilizado pela F-1 para "melhorar espetáculo"

A IndyCar anunciou qual será o traçado a ser utilizado na pista mista de Indianápolis na corrida do próximo ano. A prova está marcada para duas semanas antes das tradicionais 500 Milhas, deste modo, abrirá as semanas de treinos que antecedem a corrida tida como a mais importante do calendário.

O sentido utilizado será o mesmo que a F-1 usou de 2000 a 2007, com pequenas mudanças. A principal delas na curva cinco, que será uma chicane que dará acesso à reta oposta. A categoria também não utilizará a curva 1 do oval como última curva. Ao invés disso, os carros passaram pelas primeiras curvas da pista feita para a MotoGP.

"Um dos ingredientes chave para fazer este trabalho foi a melhoria da pista", disse Mark Miles, CEO da Hulman and Company, dona da pista. "Tínhamos muita história com as corridas de Fórmula 1, mas nossa sensação é de que poderia ser uma plataforma ainda melhor para a nossas corridas. E assim, muito trabalho tem sido feito."

"O que temos são três fantásticos pontos de ultrapassagem em nossa pista e uma excelente chicane. Acreditamos que será absolutamente maravilhoso para os nossos fãs assistirem", disse o presidente do IMS, Douglas Boles.

"Nós não só faremos a experiência de pista melhorar, como vamos torná-la muito mais acessível para os nossos fãs se divertirem. A arquibancada que se vê no complexo das curvas sete, oito e nove estará lá, mas vai ser maior, mais alta e mais larga para que possamos acomodar mais gente.”

"A chicane da curva cinco e seis chicane vai ter a mesma reforma. A arquibancada na 1 continuará a ser a mesma, mas entre a 2 e a 3 estamos adicionando uma nova arquibancada lá para os fãs serem capazes de ver as primeiras curvas e, olhando para o outro lado, além das 4, 5 e 6”, concluiu.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias