Kurt Busch não descarta correr 500 Milhas de Indianápolis

compartilhar
comentários
Kurt Busch não descarta correr 500 Milhas de Indianápolis
17 de fev de 2016 10:38

Participante da edição de 2014 pela Andretti Autosport, piloto da Stewart-Haas na NASCAR se diz menos animado, mas quer competir

Kurt Busch, Andretti Autosport Honda
Kurt Busch, Andretti Autosport Honda
Kurt Busch, Scott Dixon, Juan Pablo Montoya
Kurt Busch, Andretti Autosport Honda
Kurt Busch, Andretti Autosport Honda
Kurt Busch, Andretti Autosport Chevrolet
Kurt Busch, Andretti Autosport Chevrolet
Kurt Busch, Andretti Autosport Chevrolet

Terminando em sexto lugar e com o título de melhor novato da Indy 500 em 2014, Kurt Busch ainda pensa em correr a tradicional prova da Indy neste ano. O campeão da NASCAR de 2004 no entanto diz que não tem a mesma garra para correr que teve em 2014, quando realizou a prova em Indiana e depois fez as 600 Milhas de Charlotte pela NASCAR.

"Não tenho falado com Michael (Andretti) ultimamente, mas já falamos sobre isso", disse Busch, que na ocasião correu pela equipe Andretti Autosport.

"Não há tanto gás como havia em 2014 para fazer a corrida, mas a 100ª 500 Milhas de Indianápolis vai ser especial. Ser parte de tudo, com todos os que correrão a corrida 100, será grande. Eu realmente não tenho um prazo para tomar a decisão.”

"1º de maio será tarde demais para conseguir algo, mas nós confirmamos o nosso acordo de 2014 no final de março daquele ano. Por isso, ainda há tempo."

Busch se recuperou de uma suspensão na NASCAR para terminar em oitavo na classificação no ano passado, que teve seu irmão - Kyle - como o campeão. Ele disse que o empenho demonstrado por sua equipe Stewart-Haas durante esse momento difícil joga dúvidas em sua mente.

"Eu realmente gostaria de correr de novo na Indy, mas gosto muito de Tony Gibson (seu chefe de equipe) e o foco que tivemos em 2015 foi ótimo", disse.

"Temos muita motivação em todas as direções para sermos bem-sucedidos. Agora temos que ir lá para dar o nosso melhor."

"Ao longo dos anos tenho sido um pouco conservador na Daytona 500. Neste ano, não estou preocupado com os pontos. Só estou preocupado com uma coisa: receber o troféu da Daytona 500."

Próxima IndyCar matéria
Allmendinger: "nunca mais corro em um cockpit aberto"

Previous article

Allmendinger: "nunca mais corro em um cockpit aberto"

Next article

Andretti mostra pinturas inspiradas em capacete da família

Andretti mostra pinturas inspiradas em capacete da família
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria IndyCar
Pilotos Kurt Busch
Tipo de matéria Últimas notícias