Para Dixon, expectativa é só uma: superar Power no Anhembi

Neozelandês da Ganassi admitiu ter enfrentado um problema nos freios do carro, que o fez desperdiçar volta lançada

Dixon à frente de Power

"A ideia é tentar batê-lo". Desta forma, Scott Dixon descreve sua estrategia de prova para a São Paulo Indy 300, após obter a terceira posição no grid de largada.

O campeão de 2003 e 2008 admitiu uma pequena dificuldade com os freios de seu Ganassi-Honda, mas se mostrou satisfeito com o rendimento do equipamento na tomada de tempos deste sábado.
 
"Tive um probleminha com os freios. Falhei no Q3, mas fui bem no Q1 e no Q2. Na fase final, saí fora na curva 1, travei a roda e o pneu ficou quadrado, o que me impediu de evoluir", destaca o neozelandês.
 
"Vamos trabalhar nessa questão dos freios, mas temos um carro bom para a corrida. Será uma prova fantástica para assistir e divertida para nós. Estou esperando para ver", completa o representante da Ganassi.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias