Riscos corridos da Indy são aceitáveis, dizia Justin Wilson

Após acidente sofrido em Mid-Ohio em 2011, piloto britânico comentou que carros de corrida são perigosos

Em entrevista, Justin Wilson chegou a dizer que aceitava os riscos da Fórmula Indy e do automobilismo. Na ocasião, o britânico havia sofrido um acidente durante um treino livre para a corrida de Mid-Ohio em 2011.

Wilson, morto em um acidente nas 500 Milhas de Pocono neste último final de semana, havia sofrido uma fratura em uma vértebra após rodada seguida de batida de costas na primeira curva do circuito de Ohio.

Depois deste acidente, em agosto, o piloto voltou a competir apenas no ano seguinte.

"Você tem que saber os riscos e descobrir se eles são aceitáveis", falou Wilson à Associated Press depois de machucar as costas.

"Para mim, é aceitável. Mas eu não vou parar de tentar melhorar o esporte. Todos os pilotos aqui na IndyCar estão sempre tentando tornar a competição mais segura."

“Mas, no final das contas, continua sendo um carro de corrida. Estamos sempre correndo o mais rápido que podemos e estamos correndo em carros da Indy, que são muito rápidos. Se algo dá errado, pode ser perigoso."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Pilotos Justin Wilson
Tipo de artigo Últimas notícias