Sem segredos, Power vence novamente corrida no Anhembi

Australiano comprova superioridade, com Sato e Castroneves dando show e acidentes sendo atração à parte. Barrichello é 10º

Largada da São Paulo Indy 300 2012

O Rei de São Paulo manteve a majestade neste domingo no Anhembi. Pela terceira vez consecutiva, Will Power conquistou a vitória na São Paulo Indy 300.

O maior rival do australiano foi configurado na quantidade de bandeiras amarelas: nada menos que cinco - uma delas provocada por um engavetamento de oito carros. 
 
As interrupções anulavam toda a vantagem de Power e o colocavam em posição vulnerável a acidentes, mas o piloto conseguiu administrar bem a pressão e manteve-se na frente durante toda a prova, exceto no momento dos pit stops.
 
No final, Power recebeu a bandeirada com quase um segundo de vantagem para a Andretti de Ryan Hunter-Reay, enquanto a surpresa Takuma Sato completou o pódio da corrida paulistana após partir em penúltimo. O japonês relembrou os tempos áureos de F-1 ao assumir a terceira posição na última relargada de forma ousada.
 
O melhor brasileiro na prova foi Helio Castroneves, da Penske, o quarto após cair para último no fim, enquanto Rubens Barrichello, da KV, teve uma boa atuação e acabou em sétimo.
 
Já Tony Kanaan e e Bia Figueiredo se envolveram na confusão da última relargada, à 68ª passagem, que também vitimou Mike Conway, Marco Andretti, Graham Rahal, Simon Pagenaud e Scott Dixon. Antes disso, Simona de Silvestro, Charlie Kimball, Josef Newgarten e James Jakes também se enroscaram na relargada da volta 28.
 
Com isso, Kanaan acabou a prova em 13°, com Bia em 20°. Quem também não teve tanta sorte assim foi Dario Franchitti, que se enroscou em uma das relargadas, perdeu todas as posições e, mesmo assim, terminou em quinto. Outro ponto alto da corrida, por sua vez, foi a ausência de chuva, que ameaçou, mas não caiu.
 
A próxima etapa da temporada 2012 está marcada para o dia 27 de maio, em Indianápolis.
 
Final:
1. Will Power (Team Penske/Chevrolet), 75 voltas
2. Ryan Hunter-Reay (Andretti Autosport/Chevrolet), a 0.9045
3. Takuma Sato (Rahal Letterman Lanigan Racing/Honda), a 2.3905
4. Helio Castroneves (Team Penske/Chevrolet), a 4.5489
5. Dario Franchitti (Chip Ganassi Racing/Honda), a 5.1722
6. James Hinchcliffe (Andretti Autosport/Chevrolet), a 6.2615
7. JR Hildebrand (Panther Racing/Chevrolet), a 8.3764
8. Charlie Kimball (Chip Ganassi Racing/Honda), a 8.5905
9. EJ Viso (KV Racing Technology/Chevrolet), a 10.3449
10. Rubens Barrichello (KV Racing Technology/Chevrolet), a 10.8477
11. Oriol Servia (Dreyer & Reinbold Racing/Lotus), a 24.4771
12. Simon Pagenaud (Schmidt-Hamilton Motorsports/Honda), a 1 volta
13. Tony Kanaan (KV Racing Technology/Chevrolet), a 1 volta
14. Marco Andretti (Andretti Autosport/Chevrolet), a 1 volta
15. James Jakes (Dale Coyne Racing/Honda), a 1 volta
16. Graham Rahal (Chip Ganassi Racing/Honda), a 1 volta
17. Scott Dixon (Chip Ganassi Racing/Honda), a 1 volta
18. Sebastien Bourdais (Lotus-Dragon Racing/Lotus), a 1 volta
19. Mike Conway (Andretti Autosport/Chevrolet), a 2 voltas
20. Ana Beatriz (Andretti Autosport/Chevrolet), a 2 voltas 
21. Ed Carpenter (Ed Carpenter Racing/Chevrolet), a 3 voltas
22. Justin Wilson (Dale Coyne Racing/Honda), a 9 voltas
23. Josef Newgarden (Sarah Fisher Hartman Racing/Honda), a 14 voltas
24. Simona de Silvestro (HVM/Chevrolet), a 47 voltas
25. Ryan Briscoe (Team Penske/Chevrolet), a 54 voltas
26. Katherine Legge (Lotus-HVM Racing/Lotus), a 55 voltas
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias