Vasser retorna à IndyCar em parceria com Dale Coyne

compartilhar
comentários
Vasser retorna à IndyCar em parceria com Dale Coyne
Por: Tom Errington
Traduzido por: Daniel Betting
5 de fev de 2018 19:09

O campeão da CART, Jimmy Vasser, retornará à IndyCar em 2018 no papel de coproprietário, em parceria com Dale Coyne Racing

Sebastien Bourdais, KVSH Racing
Sebastien Bourdais, KVSH Racing
#66 Ford Performance Chip Ganassi Racing Ford GT: Sebastien Bourdais
Sébastien Bourdais, Dale Coyne Racing Honda
Sébastien Bourdais, Dale Coyne Racing Honda
Sébastien Bourdais, Dale Coyne Racing Honda
Sébastien Bourdais, Dale Coyne Racing Honda

O parceiro comercial da Vasser KV Racing, James Sullivan, também se juntou à equipe, que entrará em campo no carro #18 - pilotado pelo ex-piloto da KV Racing Sebastien Bourdais - sob a bandeira "Dale Coyne Racing com Vasser-Sullivan".

Jimmy Vasser retorna à IndyCar um ano depois que fechou a KV Racing depois que uma parceria com a Carlin não se materializou.

O dono da equipe do DCR, Dale Coyne, diz que está emocionado por ter a dupla a bordo para 2018.

"Quando Jimmy, Sulli e eu nos encontramos para discutir a criação dessa parceria, foi muito atrativo", disse Coyne.

"Eles tiveram muito sucesso em seus anos anteriores na IndyCar, e estou entusiasmado por tê-los como parceiros. É uma oportunidade que não pude recusar à medida que avançamos com este programa".

Os novos parceiros trouxeram o SealMaster como o novo patrocinador principal do carro #18, de Bourdais em nove das 18 corridas desta temporada - incluindo a Indy 500.

Vasser diz que a nova oportunidade é uma chance de continuar o progresso que fez com a KV Racing, que ganhou a Indy 500 de 2013 com Tony Kanaan.

"Primeiro, quero reconhecer Kevin Kalkhoven [co-proprietário da KV Racing], que deu a Sulli e a mim mesmo o status para estarmos onde estamos hoje.

"Depois de longas conversas, estou muito satisfeito e orgulhoso de dizer que continuaremos esse legado”.

"Eu fiquei um ano fora das competições pela primeira vez em muitos anos e percebi o quanto perdi. Este é o próximo capítulo da minha carreira nas corridas, então eu quero agradecer a Sulli, Dale, SealMaster, nossos patrocinadores e Sebastien”.

"Com seus apoios, estamos focados em recriar nosso sucesso anterior e novamente disputando vitórias em 2018".

Sullivan diz que a equipe está em um ano bem sucedido agora que o acordo está completo.

"Primeiro, é ótimo voltar", disse. "Demos um passo para trás no ano passado avaliando e construindo nosso próximo capítulo, e Jimmy e eu, depois de muitas discussões com Dale, chegamos à conclusão de que esse era o momento certo e oportunidade para avançar nessa parceria”.

Bourdais acrescenta que a infraestrutura deixa agora a DCR em posição de competir no pelotão da frente.

"Quero agradecer a Dale Coyne, Jimmy Vasser e Sulli pela oportunidade de avançar com esse programa que há mais de um ano estamos trabalhando", disse Bourdais. "Nos últimos anos, todos nós conquistamos poles e ganhamos juntos”.

"Esta é uma equipe que começou pequena, mas precisávamos e, agora temos, é coletivamente, um programa consistente de cima para baixo que pode competir no nível mais alto nível e disputar um campeonato".

A DCR deverá anunciar sua programação para o segundo carro nesta semana, com os campeões da Fórmula V8 3.5, Pietro Fittipaldi e o piloto da Indy Lights Zachary Claman DeMelo como favoritos para dividí-lo.

Próxima IndyCar matéria
Indy cogita introduzir aeroscreen no fim de 2018

Previous article

Indy cogita introduzir aeroscreen no fim de 2018

Next article

Newgarden lidera teste em Sonona; Fittipaldi é 5º

Newgarden lidera teste em Sonona; Fittipaldi é 5º
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria IndyCar
Pilotos Sébastien Bourdais
Equipes KV Racing Technology , Dale Coyne Racing
Autor Tom Errington
Tipo de matéria Últimas notícias