Wickens esperava outro desfecho de duelo contra Rossi

compartilhar
comentários
Wickens esperava outro desfecho de duelo contra Rossi
Charles Bradley
Por: Charles Bradley
Traduzido por: Daniel Betting
12 de mar de 2018 20:51

Robert Wickens, que estava a apenas duas voltas de vencer sua prova de estreia na IndyCar, disse que esperava outra estratégia de Alexander Rossi

Alexander Rossi, Andretti Autosport Honda
Robert Wickens, Schmidt Peterson Motorsports Honda
Robert Wickens, Schmidt Peterson Motorsports Honda
Alexander Rossi, Andretti Autosport Honda
Robert Wickens, Schmidt Peterson Motorsports Honda
Robert Wickens, Schmidt Peterson Motorsports Honda

Robert Wickens, que largou da pole position em St. Petersburg, liderou a maior parte da primeira etapa da temporada 2018 da IndyCar, mas uma série de bandeiras amarelas permitiram que Alexander Rossi, segundo colocado, tivesse a oportunidade de tentar passar o canadense.

Tendo alcançado a penúltima relargada com perfeição, Wickens sofreu um ataque de Rossi na curva 1, a duas voltas do final, e ambos acabaram se tocando, jogando o canadense na barreira de pneus e acabando com suas chances de vitória.

"Para ser sincero, me senti muito confortável com o ritmo que tive", disse Wickens. "O dia inteiro foi melhor do que eu poderia esperar na minha estreia na IndyCar".

"Eu deixei Alex se aproximar, mas nunca me passaria [antes das bandeiras amarelas]. Ele viu sua chance e tentou, e na minha opinião, provavelmente foi um pouco ousado, mas acontece”.

"Honestamente, eu sabia que não iria acabar até que tudo terminasse, mas odiei como o dia terminou. Esperava mais de Alex. Pensei que teríamos uma boa disputa”.

"Eu pensei que tinha dado espaço suficiente e que eu realmente tinha a liderança. Atrasei muito a freada e ele tentou ficar ao meu lado, mas a pista estava tão suja que ele não conseguiu manter a linha e deslizou. Eu não sei. Estou simplesmente muito desapontado”.

Quando perguntado se isso poderia acirrar a rivalidade entre eles, Wickens disse: "Não. Alex e eu somos amigos fora da pista. Na pista é uma história diferente, corremos por cada centímetro o quanto podemos”.

"Eu só esperava mais dele hoje. Ele viu que eu atrasei a freada. Obviamente estava desesperado. Foi a última volta e foi sua última chance”.

Next article
Início da Indy fica a 69 ultrapassagens de bater F1 em 2017

Previous article

Início da Indy fica a 69 ultrapassagens de bater F1 em 2017

Next article

Coyne admite sorte em vitória: “Não tínhamos carro top 3”

Coyne admite sorte em vitória: “Não tínhamos carro top 3”
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria IndyCar
Evento St. Pete
Localização St. Petersburg Street Course
Pilotos Robert Wickens , Alexander Rossi
Autor Charles Bradley