Senna, sobre 4º lugar em Le Mans: “Não dá para reclamar”

compartilhar
comentários
Senna, sobre 4º lugar em Le Mans: “Não dá para reclamar”
Bruno Ferreira
Por: Bruno Ferreira
17 de jun de 2018 16:26

Protótipo #1 da Rebellion teve contratempos do início ao fim da prova, e brasileiro reconhece: “Tem muita coisa para melhorar ainda”

#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna, #3 Rebellion Racing Rebellion R-13: Mathias Beche, Gustavo Menezes, Thomas Laurent
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Bruno Senna
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna crashes into #10 Dragonspeed BR Engineering BR1: Henrik Hedman, Ben Hanley, Renger Van der Zande at the start
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna, #3 Rebellion Racing Rebellion R-13: Mathias Beche, Gustavo Menezes, Thomas Laurent
#1 Rebellion Racing Rebellion R-13: Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna

Quarto colocado na classificação geral das 24 Horas de Le Mans de 2018, Bruno Senna ficou conformado com a posição e considerou que “não pode reclamar muito” depois de uma prova repleta de problemas. 

O protótipo do brasileiro, o #1 da Rebellion que divide com André Lotterer e Neel Jani, fechou a prova atrás das duas Toyotas e do outro carro do time, o #3, de Gustavo Menezes, Mathias Beche e Thomas Laurent. 

A corrida começou complicada para o time, com Lotterer sofrendo um acidente e precisando ir aos boxes para reparar o bico. Depois disso, o #1 foi ganhando terreno, mas enfrentou diversos outros contratempos – problemas técnicos, mecânicos e punições. 

“Foi uma corrida bem difícil para a gente, com problema desde o começo. A gente conseguiu brigar de volta algumas vezes, mas toda vez que a gente chegava ali na briga, acontecia mais alguma coisa, mais problemas”, disse Senna, em entrevista ao Motorsport.com Brasil logo após a prova. 

“Enfim, fomos brigando até onde podíamos e, no fim, já não tinha mais o que fazer. Pelo menos os dois carros terminaram, e para a estreia da equipe [no retorno à LMP1] não dá para reclamar muito. É a primeira vez do carro em uma corrida de 24 horas, os dois carros terminarem foi positivo.”

Senna afirmou que o problema com Lotterer no início da disputa não foi a maior das preocupações. “É melhor ter um problema no começo do que no fim, porque há mais tempo para se recuperar. A gente conseguiu se recuperar durante a corrida na estratégia, com as coisas acontecendo. Se não tivesse acontecido no começo [e sim no fim], talvez a gente não conseguiria se recuperar”, analisou.

Contudo, o brasileiro se mostrou incomodado com a clara vantagem que a Toyota possui em termos de ritmo, o que o fez lembrar de sua primeira aparição em Le Mans. “Honestamente, deu um pouco de flashback de 2009, porque ali era a mesma coisa: competindo com carro privado contra as fabricantes e não tinha corrida, era só o esforço para terminar.” 

“A diferença é que, como tem apenas uma equipe oficial, a corrida ficou centrada neles. Então, a equivalência de tecnologia precisa ser muito revisada para a gente poder ter corrida mesmo, senão é o show da Toyota.”

Por fim, Senna espera que a participação em Le Mans seja o pontapé inicial em um processo de crescimento da equipe. “Tem muita coisa para melhorar ainda. A equipe, o carro em si, tá todo mundo ainda cru. Não tem ninguém pronto para o desafio de verdade. Vamos ter que fazer muita, muita melhora para poder competir direito.”

Próxima Le Mans matéria
Alonso temeu desfecho como da Indy 500 em Le Mans

Previous article

Alonso temeu desfecho como da Indy 500 em Le Mans

Next article

Mr. Le Mans, Kristensen rasga elogios a Alonso após vitória

Mr. Le Mans, Kristensen rasga elogios a Alonso após vitória

Sobre esta matéria

Categoria Le Mans
Evento 24 Horas de Le Mans
Localização Circuit de la Sarthe
Autor Bruno Ferreira
Tipo de matéria Últimas notícias