Angel Nieto desce para a Moto2 em 2019

compartilhar
comentários
Angel Nieto desce para a Moto2 em 2019
Jamie Klein
Por: Jamie Klein
13 de ago de 2018 21:50

Equipe Angel Nieto anunciou que regressará à Moto2 na próxima temporada para se "concentrar" em categorias menores em 2019

Johann Zarco, Monster Yamaha Tech 3, Tito Rabat, Avintia Racing, Alvaro Bautista, Angel Nieto Team
Alvaro Bautista, Angel Nieto Team
Albert Arenas, Ángel Nieto Team Moto3
Alvaro Bautista, Angel Nieto Team
Alvaro Bautista, Angel Nieto Team
Alvaro Bautista, Angel Nieto Team

A equipe Angel Nieto, anteriormente conhecida como Aspar, time satélite da Ducati na MotoGP com Álvaro Bautista e Karel Abraham nesta temporada, mas que será substituído no grid da MotoGP no próximo ano pela nova equipe satélite da Yamaha.

A equipe espanhola vai regressar à Moto2 pela primeira vez desde a temporada de 2014, numa nova aliança com a KTM, que já fornece a Kiefer Racing e a CGBM Evolution na categoria intermédia.

A Nieto já utiliza motos KTM na Moto3, tendo regressado à marca austríaca este ano, depois de um período de utilizando as motos Mahindra.

O dono da equipe, Jorge 'Aspar' Martinez, disse: “Estamos muito felizes por ter chegado a este acordo com a KTM, o que permitirá que o nosso projeto continue crescendo com ótimos resultados.”

Leia também:

"Apenas no nosso primeiro ano na Moto3 já vencemos um GP, terminamos no pódio e estivemos perto em várias outras ocasiões. Agora vamos duplicar os nossos esforços e competir juntos também na Moto2.”

"Estamos muito entusiasmados por ter um projeto que começa a partir do nível básico, no campeonato júnior de Moto3, e continua através da Moto3 para a Moto2.

"Nosso objetivo é fazer uma combinação vencedora em todas as categorias e voltar a ser uma das equipes líderes do mundo".

A Aspar tem uma grande história nas categorias mais baixas, tendo conquistado quatro títulos de 125cc com Bautista (2006), Gabor Talmacsi (2007), Julian Simon (2009) e Nico Terol (2011).

Simon também terminou em segundo lugar com Toni Elias na primeira temporada da Moto2 em 2010, enquanto Terol e Jordi Torres conquistaram quatro vitórias para o time em 2013.

Próxima Moto2 matéria
Bagnaia supera Oliveira e volta à liderança da Moto2

Previous article

Bagnaia supera Oliveira e volta à liderança da Moto2

Next article

Granado: Fiquei sabendo de demissão da Moto2 via rede social

Granado: Fiquei sabendo de demissão da Moto2 via rede social
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP , Moto2
Equipes Ángel Nieto Team
Autor Jamie Klein
Tipo de matéria Últimas notícias