Oliveira vence, Kent cai e briga pelo título segue aberta

compartilhar
comentários
Oliveira vence, Kent cai e briga pelo título segue aberta
Gabriel Carvalho
Por: Gabriel Carvalho
18 de out de 2015 03:04

Português da KTM se aproveitou de vacilo do britânico para reduzir vantagem para 40 pontos e prorrogar definição do título para GP da Malásia

Miguel Oliveira, Red Bull KTM Ajo
Brad Binder, Red Bull KTM Ajo
Efren Vazquez, Leopard Racing
Jorge Navarro, Estrella Galicia 0,0
Miguel Oliveira, Red Bull KTM Ajo
Miguel Oliveira
Miguel Oliveira, Red Bull KTM Ajo
Brad Binder, Red Bull KTM Ajo
Miguel Oliveira, Red Bull KTM Ajo
Miguel Oliveira, Red Bull KTM Ajo

Miguel Oliveira venceu o GP da Austrália, realizado neste domingo (18) – noite de sábado (17) no Brasil – e contou com uma bobeada de Danny Kent para reduzir a vantagem do britânico para 40 pontos (244 a 204) e, assim, estender a disputa pelo título da temporada 2015 da Moto3 por mais uma prova.

Tudo conspirava para a definição do campeonato ainda em Phillip Island, mas Kent se envolveu em uma colisão com Niccolo Antonelli e Enea Bastianini, deixando a pista australiana zerado e permitindo a aproximação do piloto da KTM, que não desperdiçou a chance.

A corrida

Enquanto Oliveira pulou na frente na primeira curva, mas logo foi superado por Fenati, Kent seguiu na sétima posição. No fim da primeira volta, no entanto, o português reassumiu a liderança. A troca de posições seguia frenética e os pilotos próximos uns dos outros devido ao vácuo – a 17 voltas do final, os dez primeiros passaram na linha de chegada dentro do mesmo segundo.

Pouco depois, McPhee, Joan Mir e Andrea Migno caíram, abandonando a disputa. Faltando quinze voltas para o fim da prova, Kent ocupava a segunda posição quando recebeu o primeiro aviso: Francesco Bagnaia tocou no britânico e caiu, abandonando a prova. Com isso, Kent caiu para 16º, enquanto Bastianini subia para sétimo e Oliveira era quinto.

A 11 voltas do recebimento da bandeira quadriculada, Kent já havia escalado parte do pelotão e figurava na sexta colocação. Na abertura da volta seguinte, no entanto, o líder do campeonato seguiu bastante agressivo nas disputas e pagou um alto preço por isso, envolvendo-se em um toque com Niccolo Antonelli e sendo ejetado da moto

De quebra, Kent levou Bastianini no bolo, tirando o italiano da disputa. Apesar de terem saído andando, ambos foram encaminhados para o centro médico do autódromo para exames.

Na briga pela liderança, restaram quatro pilotos: Fenati, Oliveira, Jorge Navarro e Efren Vazquez. Para Kent ser campeão, o português deveria ficar fora do pódio, mas a cinco voltas do fim o piloto da KTM ocupava a liderança da prova, que seria perdida para Brad Binder no giro seguinte.

A três voltas do final, a disputa pela vitória seguia indefinida: Fenati é quem liderava, seguido por Binder e Oliveira. Tudo indicava para uma definição somente na linha de chegada, mas Binder fez a ‘parede’ para o português receber a bandeira quadriculada no primeiro lugar e manter a briga pelo título em aberto.

Vazquez usou o vácuo para chegar em segundo e Binder completou o pódio, com Navarro em quarto e Jakub Kornfeil completou o grupo dos cinco primeiros em Phillip Island.

Confira o resultado final da prova:

Posição Pontos Número Piloto Equipe Moto Tempo/Dif.
1 25 44 Miguel OLIVEIRA Red Bull KTM Ajo KTM 37'34.742
2 20 7 Efren VAZQUEZ Leopard Racing Honda +0.132
3 16 41 Brad BINDER Red Bull KTM Ajo KTM +0.161
4 13 9 Jorge NAVARRO Estrella Galicia 0,0 Honda +0.170
5 11 84 Jakub KORNFEIL Drive M7 SIC KTM +0.288
6 10 5 Romano FENATI SKY Racing Team VR46 KTM 1.006
7 9 65 Philipp OETTL Schedl GP Racing KTM 6.200
8 8 32 Isaac VIÑALES RBA Racing Team KTM 6.253
9 7 10 Alexis MASBOU SAXOPRINT RTG Honda 6.322
10 6 2 Remy GARDNER CIP Mahindra 7.567
11 5 6 Maria HERRERA Husqvarna Factory Laglisse Husqvarna 7.573
12 4 63 Zulfahmi KHAIRUDDIN Drive M7 SIC KTM 10.088
13 3 96 Manuel PAGLIANI San Carlo Team Italia Mahindra 16.294
14 2 98 Karel HANIKA Red Bull KTM Ajo KTM 17.792
15 1 88 Jorge MARTIN MAPFRE Team MAHINDRA Mahindra 17.814
16   19 Alessandro TONUCCI Outox Reset Drink Team Mahindra 18.205
17   23 Niccolò ANTONELLI Ongetta-Rivacold Honda 37.921
18   22 Ana CARRASCO RBA Racing Team KTM 42.463
19   35 Olly SIMPSON Olly Simpson Racing KTM +1'24.024
Não completaram
    48 Lorenzo DALLA PORTA Husqvarna Factory Laglisse Husqvarna 8 Voltas
    52 Danny KENT Leopard Racing Honda 10 Voltas
    33 Enea BASTIANINI Gresini Racing Team Moto3 Honda 10 Voltas
    55 Andrea LOCATELLI Gresini Racing Team Moto3 Honda 10 Voltas
    14 Matt BARTON Suus Honda FTR 10 Voltas
    21 Francesco BAGNAIA MAPFRE Team MAHINDRA Mahindra 14 Voltas
    95 Jules DANILO Ongetta-Rivacold Honda 15 Voltas
    17 John MCPHEE SAXOPRINT RTG Honda 17 Voltas
    36 Joan MIR Leopard Racing Honda 17 Voltas
    58 Juanfran GUEVARA MAPFRE Team MAHINDRA Mahindra 17 Voltas
    16 Andrea MIGNO SKY Racing Team VR46 KTM 17 Voltas
    11 Livio LOI RW Racing GP Honda 19 Voltas
    29 Stefano MANZI San Carlo Team Italia Mahindra 0 Volta
    91 Gabriel RODRIGO RBA Racing Team KTM 0 Volta
    40 Darryn BINDER Outox Reset Drink Team Mahindra 0 Volta
    24 Tatsuki SUZUKI CIP Mahindra 0 Volta
Próxima Moto3 matéria
McPhee herda pole de Kent na Austrália

Previous article

McPhee herda pole de Kent na Austrália

Next article

Antonelli, com cronômetro zerado, é pole em Sepang

Antonelli, com cronômetro zerado, é pole em Sepang
Load comments