Após pole, Miller exalta “grande aposta” em pneus slicks

Com pista secando, australiano da Pramac conquista primeira pole em última volta da qualificação e diz querer corrida no seco

A classificação para o GP da Argentina da MotoGP neste sábado (7) foi surpreendente. Com a pista secando, vários pilotos tentaram colocar pneus de pista seca para realizar boas voltas. No entanto, todos que utilizaram slicks desistiram da ideia ainda no meio do Q2. Todos menos Jack Miller.

O australiano tentou por diversas vezes cravar a melhor volta, mas foi impedido pelo trecho da curva 7 até a 8, onde o asfalto ainda estava muito molhado. Porém, na última volta ele, apesar de perder muito tempo ali, ainda abocanhou a pole de Dani Pedrosa por 0s177.

“Foi uma grande aposta”, iniciou Miller.

“Lembrei de quando (Khairul Idham) Pawi ganhou aqui na Moto3 (2016), e quanta aderência tinha no molhado.”

“A pista estava inteira mais ou menos seca já, então se conseguisse me manter na parte seca, tudo bem. A volta antes estava mais rápida, mas eu quase caí. Mas estou muito feliz de levar esta pole para casa pela minha equipe.”

“Espero que amanhã consigamos uma boa largada da pole position, e que a gente continue com o primeiro grupo. Eles têm uma boa velocidade, e gostaria de uma corrida no seco.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Argentina
Pista Autodromo Termas de Rio Hondo
Tipo de artigo Últimas notícias