CEO da Ducati cutuca Lorenzo mas o prevê na luta pelo título

Claudio Domenicali diz que esperava “capacidade de fornecer instruções mais rápidas e claras” do espanhol

Com a ida de Jorge Lorenzo à Honda consumada nesta quarta-feira, o CEO da Ducati, Claudio Domenicali, falou sobre o momento do espanhol dentro do time italiano.

Ele enalteceu a grande conquista de Jorge em Mugello no último final de semana, e crê que ele possa agora lutar para ser campeão do mundo ainda em 2018. No entanto, Domenicali acha que Lorenzo demorou tempo demais para se adaptar à Desmosedici.

“Em primeiro lugar, gostaria de agradecer a Jorge Lorenzo pelos seus esforços como piloto da Ducati e, em particular, pela excepcional vitória no domingo passado em Mugello, que vai entrar para a história como um dos mais lendários triunfos da nossa empresa", afirmou Domenicali.

"Jorge é um grande campeão, mas mesmo assim, por um piloto de seu valor, esperávamos a capacidade de fornecer instruções mais rápidas e claras aos nossos técnicos para melhorar sua sensação com a nossa moto."

"Espero não só conseguir mais vitórias nas próximas corridas da temporada, mas também vê-lo lutar pelo título mundial juntamente com o seu companheiro de equipe Andrea Dovizioso, agora que ele finalmente consegue explorar todo o potencial da nossa Desmosedici.”

“Só tivemos um terço da temporada e o campeonato está totalmente aberto", concluiu.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Jorge Lorenzo
Tipo de artigo Últimas notícias