Cudlin é confirmado como substituto de De Angelis

Alex de Angelis está afastado das pistas após o violento acidente em Motegi

A Ioda Racing Project anunciou que o australiano Damian Cudlin será o substituto de Alex de Angelis para as próximas duas etapas do Mundial de MotoGP. No acordo, o piloto australiano irá competir nos GPs da Austrália e da Malásia.

De Angelis, nascido em San Marino, está internado no Japão recuperando-se das lesões sofridas em razão do violento impacto no último treino livre para o GP do Japão.

Cudlin tem como experiência seis participações na MotoGP. Disputou uma corrida pela Pramac em 2011 e cinco pela Paul Bird Motorsport em 2013.

"Primeiro e o mais importante, eu desejo ao Alex de Angelis uma completa e rápida recuperação de suas lesões", disse Cudlin.

"Foi uma boa surpresa receber uma oferta da equipe Ioda Racing. Embora, para ser honesto, estava um pouco hesitante em substituir o Alex sob essas circunstâncias."

"Mas depois de ouvir as notícias positivas de recuperação, concordamos e não poderia estar mais animado de poder correr de MotoGP novamente."

"Claro que não será fácil e não posso esperar nenhum milagre. Quero apenas fazer o trabalho, dar um bom feedback para a equipe, tentar e permanecer em pé, e nos levar até o fim."

Com o anúncio de Cudlin, a Austrália terá três representantes neste fim de semana em Phillip Island, com Jack Miller pela LCR Honda e Anthony West pela AB Honda.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Austrália
Pista Phillip Island Grand Prix Circuit
Pilotos Damian Cudlin
Equipes IodaRacing Project
Tipo de artigo Últimas notícias