Dovi admite que sucesso de Lorenzo criou tensões na Ducati

compartilhar
comentários
Dovi admite que sucesso de Lorenzo criou tensões na Ducati
Germán Garcia Casanova
Por: Germán Garcia Casanova
17 de out de 2018 11:52

Piloto italiano diz que boa dinâmica nos boxes do time deu lugar a tensão durante a maior parte de 2018

Andrea Dovizioso disse que as vitórias de seu companheiro de equipe, Jorge Lorenzo, acabaram por ser uma motivação adicional para ele nesta temporada, mas, ao mesmo tempo, piorou a atmosfera que existia no box da Ducati.

Durante a temporada, se pôde ver que a relação entre o italiano e o espanhol, que no papel parecia fantástica no ano passado, estava se deteriorando no mesmo ritmo que a competitividade de Lorenzo crescia. Algo que, segundo Dovi, tornou o ambiente pior.

A relação entre Dovizioso e Lorenzo não é a melhor agora. Em várias entrevistas, os dois pilotos da Ducati repetidamente deixaram pequenas alfinetadas um contra o outro. Agora, Dovi revelou que a situação no box da Ducati se tornou ainda mais difícil depois que Lorenzo começou a ganhar corridas com a Desmosedici.

Falando ao MotoGP.com, Dovizioso admite que as vitórias consecutivas de Lorenzo na Itália e em Barcelona o pegaram de surpresa.

"Claro que isso me afetou, é normal. Especialmente porque deixou claro que minhas atuações na Desmocedici não eram boas o suficiente", disse.

"Se você tem dois pilotos lutando pelo campeonato, é uma coisa boa. Um empurra o outro, estamos motivados e é positivo para o desenvolvimento da moto ”, explica.

"Mas, ao mesmo tempo, cria tensões e isso facilita a perda de pontos", acrescenta o italiano.

As vitórias de Lorenzo em Mugello e Barcelona e, mais tarde, na Áustria, curiosamente vieram após o anúncio de que o espanhol não iria correr no próximo ano com a Ducati, mudando para a Honda para ser parceiro de Marc Márquez, no que já é chamado de 'Dream Team' da MotoGP.

Dovi admite que durante as duas temporadas que dividiu a equipe com Jorge, aprendeu algumas coisas.

"É uma desvantagem ele sair, agora não vamos ter isso [a experiência de Lorenzo] no próximo ano", diz ele.

Ele reconhece que "no papel, a Honda seguramente terá a melhor equipe em 2019".

"Mas isso não significa que eles realmente vão ser os mais fortes", adverte o piloto de Forli.

Next article
Márquez se preocupa com Ducati no Japão: “serão perigosos”

Previous article

Márquez se preocupa com Ducati no Japão: “serão perigosos”

Next article

Lorenzo, sobre recuperação: “Me sinto cada vez melhor”

Lorenzo, sobre recuperação: “Me sinto cada vez melhor”
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Andrea Dovizioso Shop Now , Jorge Lorenzo Shop Now
Autor Germán Garcia Casanova
Tipo de matéria Reactions