Dovizioso: “A posição no grid não é nossa realidade”

Mesmo saindo de 11º, piloto italiano da Ducati continua otimista para corrida na Austrália

Vice-líder do campeonato a 11 pontos de Marc Márquez, Andrea Dovizioso largará em 11º neste domingo (22) em Phillip Island. Ele verá Marc Márquez saindo da posição de honra após o espanhol ser o mais veloz no Q2 deste sábado (21).

Mesmo assim, Dovizioso não se mostrou muito preocupado com sua posição no grid e crê ter ritmo forte para lutar pelo pódio.

"A velocidade de Marc é uma loucura e ele sabe como ir rápido quando precisa”, iniciou Andrea.

“É ele quem tem o melhor ritmo, mas estamos logo atrás. O objetivo é o pódio. Não me vejo lutando para ganhar, mas pode acontecer qualquer coisa.”

"Somente Márquez, Zarco e eu somos rápidos com o pneu médio. Acho que o Viñales e eu estamos semelhantes, mas tudo dependerá da escolha dos pneus."

Dovizioso foi protagonista de uma forte queda no TL4 na curva 10. "A queda no quarto treinamento me fez perder sensações, e nesta pista isso faz a diferença. De qualquer forma, a posição do grid não reflete a realidade."

"Ele (Márquez) está acostumado a cair e, às vezes, excede o limite e depois o administra. Ele é o único que faz isso. Não acho que seja uma característica, mas é a única maneira que ele tem de enfrentar as corridas.”

"As primeiras voltas são sempre delicadas em Phillip Island, com o funil que é criado. Em condições normais, será importante não se engarrafar. Vamos precisar criar nossas próprias possibilidades."

Andrea, que foi o único piloto da Ducati a entrar no Q2, reconhece que sua moto não está tão boa quanto em outras pistas. "Não há muitas interpretações, e isso mostra que nossa moto não se adaptou bem a esta pista".

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Austrália
Pista Phillip Island Grand Prix Circuit
Pilotos Andrea Dovizioso
Equipes Ducati Team
Tipo de artigo Últimas notícias