Dovizioso se diz "mais preocupado" com Yamaha do que Márquez

compartilhar
comentários
Dovizioso se diz
David Gruz
Por: David Gruz
25 de jul de 2018 21:26

Italiano está mais concentrado em tentar alcançar a equipe Yamaha de fábrica na classificação da MotoGP, do que com Marc Márquez pelo título

Andrea Dovizioso, o maior rival do atual campeão da MotoGP, Marc Márquez, em 2017, terminou a primeira metade da temporada 77 pontos atrás do piloto da Honda.

O piloto de 32 anos, que venceu na abertura da temporada no Catar, mas esteve no pódio uma vez desde então, também está atrás das Yamahas de Valentino Rossi e Maverick Vinales.

Seu déficit para eles é de 31 e 21 pontos, respectivamente, e o italiano diz que atualmente está mais preocupado em chegar no par da Yamaha do que com o líder, Márquez.

"A diferença para Márquez é muita, mas estou mais preocupado com a diferença que tenho com a Yamaha neste momento, não com o Marc", afirmou Dovizioso.

"Temos que melhorar ainda quais nos pontos em que não estamos suficientemente bem, porque até não estar bem, não se pode lutar com o Valentino, Maverick e alguns outros pilotos.”

Mais de três vitórias em pontos atrás de Márquez, Dovizioso admite que "não há motivo" para se concentrar na luta pelo título.

"Já antes da corrida [em Sachsenring], não pensei em Marc. Marc fez a coisa certa em muitas corridas e criou uma grande diferença de pontos.”

"A diferença entre a nossa velocidade em relação ao Marc é muito pequena, então isso é positivo. Não estou preocupado com isso.”        

"A realidade é que no campeonato há uma grande diferença, mas como antes da corrida na Alemanha, não pensamos no campeonato porque não há razão para pensar no campeonato."

A Ducati teve uma corrida discreta no ano passado em Sachsenring, mas o piloto da Pramac Danilo Petrucci, que ocupa o quarto posto, terminou a menos de quatro segundos de Márquez no evento de 2018.

"Acho que confirmamos, mostramos a todos que a nossa moto está melhor do que no ano passado nesta pista, mas não avançamos da forma certa", disse Dovizioso.

"Em Brno, acho que podemos ser muito competitivos e temos que continuar trabalhando e melhorar algumas coisas.”

"Estamos no grupo, se quisermos realmente lutar pelo topo, temos que ser um pouco melhor."

Reportagem adicional por Jamie Klein

Próxima MotoGP matéria
VÍDEO: Confira o trailer do documentário de Wayne Gardner

Previous article

VÍDEO: Confira o trailer do documentário de Wayne Gardner

Next article

Márquez: Honda tem mais pontos fracos do que fortes

Márquez: Honda tem mais pontos fracos do que fortes
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Alemanha
Localização Sachsenring
Pilotos Andrea Dovizioso Shop Now
Equipes Ducati Team Shop Now
Autor David Gruz
Tipo de matéria Últimas notícias