Ducati: não há pressão para vencer GP do Catar

Claudio Domenicali, CEO da fabricante italiana, diz que time não sofre pressão para vencer em Losail, pista historicamente favorável às motos de Borgo Panigale

O GP do Catar, prova que tem aberto os trabalhos das últimas temporadas da MotoGP, é uma corrida historicamente favorável para a Ducati. Entre 2007 e 2009, foram três vitórias da moto italiana em Losail, todas com Casey Stoner. Em 2015 e 2016, Andrea Dovizioso esteve na briga pelo triunfo, terminando em segundo nas duas oportunidades.

A prova deste ano marca a estreia de Jorge Lorenzo no time de Borgo Panigale e Paolo Ciabatti, diretor esportivo da equipe, crê que o espanhol pode começar a carreira na Ducati com uma vitória.

Apesar disso, Claudio Domenicali, CEO da fabricante italiana, garante que não há pressão em cima do time para vencer em Losail, ressaltando que a prova será tratada como qualquer outra nos boxes italianos.

"Não há pressão. Sabemos que ainda há trabalho a fazer, mas também entendemos que já fizemos bastante", disse Domenicali.

"É como quando você vai prestar uma prova tendo estudado: ainda assim, há o medo de ser surpreendido negativamente. Mas temos consciência de que fizemos nosso melhor. Se estamos tranquilos, não há pressão", afirmou.

"Não vamos para Losail com a ideia de 'tudo ou nada'. Será uma corrida como qualquer outra. Se tudo der certo, ótimo; caso contrário, vamos seguir em frente e pensar na prova seguinte", acrescentou.

Márquez começa como favorito

Questionado sobre os objetivos para 2017, Domenicali deixou claro que a meta é vencer o campeonato no primeiro ano da parceria com Lorenzo, mas colocou Marc Márquez como o favorito.

"Crescemos bastante em 2016 e vencemos duas corridas. Amadurecemos o suficiente para ter um piloto como 'Giorgio' - que é como chamamos Lorenzo - em nosso time. Agora temos tudo em nossas mãos para vencer o campeonato", disse.

"Claro que há outros pilotos fortes no grid além de 'Giorgio'. Especialmente Marc Márquez, que inicia o ano como favorito ao título", completou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Jorge Lorenzo
Equipes Ducati Team
Tipo de artigo Últimas notícias