Espargaró troca farpas com a Pramac por lance com Petrucci

compartilhar
comentários
Espargaró troca farpas com a Pramac por lance com Petrucci
Jamie Klein
Por: Jamie Klein
10 de abr de 2018 19:49

Aleix Espargaró iniciou uma guerra de palavras com a equipe Pramac Ducati da MotoGP após uma tentativa de defender a pilotagem de Danilo Petrucci no GP da Argentina, no último fim de semana.

Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Danilo Petrucci, Pramac Racing
Danilo Petrucci, Pramac Racing
Danilo Petrucci, Pramac Racing

Piloto da Aprilia, Espargaró criticou Petrucci após a corrida de Termas de Rio Hondo, afirmando que o italiano merecia ser penalizado da mesma forma que aconteceu com Marc Márquez, que recebeu ordem para perder uma posição depois de colidir com Espargaró na curva 13. 

“Petrucci me atingiu na curva 2 com pelo menos a mesma força [que Márquez], ou até mais, e temos um milhão de câmeras na moto. Então, não acho que seja difícil avaliar essas ações”, disse Espargaró.

“A punição a Márquez parece justa para mim, mas não é justo que Petrucci não tenha sido punido por ter me atingido ainda mais forte. Não acho que o trabalho do Diretor de Provas seja tão difícil.”

Na terça-feira, a Pramac emitiu um curto comunicado em que se diz “decepcionada” que a pilotagem de Petrucci tenha sido comparada à de Márquez ou de Johann Zarco, que se envolveram, respectivamente, em acidentes com Valentino Rossi e Dani Pedrosa.

“A Pramac gostaria de expressar sua decepção ao ler na imprensa os comentários sobre a corrida de Danilo Petrucci”, diz. 

“O toque entre Petrucci e Espargaró não causou consequência alguma na continuidade de ambos os pilotos, mas, ainda assim, ele tem sido comparado aos toques que viram Zarco e Márquez tirando Pedrosa e Rossi da corrida.”

“Petrucci havia sido tocado por [Hafizh] Syahrin na última volta, tendo de abrir sua trajetória, o que permitiu que Andrea Iannone passasse.”

Em resposta ao comunicado, Espargaró escreveu no Twitter: “Ele me bateu mais forte que Márquez! Besteira! A imagem está lá, não mintam para os outros. [Petrucci] Está sempre guiando assim!”

O chefe da Pramac, Francesco Guidotti, também se manifestou, fazendo referência à colisão entre Espargaró e Andrea Dovizioso na Argentina, no ano passado.

“[Petrucci] Foi mais suave do que você foi com Dovizioso na Argentina em 2017. Pare de besteiras e tente mostrar sua opinião na Comissão de Segurança, não no Twitter.”

Espargaró, então, respondeu mais uma vez: “Você não é ninguém para me dizer o que fazer! E sim, eu cometi um grande erro com Dovi e pedi desculpas a ele. Não fiquei falando besteira e mentindo às pessoas como sua equipe está fazendo.”

 
Próxima MotoGP matéria
Márquez se defende de polêmica: “não faria nada diferente”

Previous article

Márquez se defende de polêmica: “não faria nada diferente”

Next article

Pedrosa é dúvida para GP de Austin após cirurgia no pulso

Pedrosa é dúvida para GP de Austin após cirurgia no pulso
Load comments