Honda e Yamaha negam interesse em Dovizioso

compartilhar
comentários
Honda e Yamaha negam interesse em Dovizioso
Por: Carlos Guil Iglesias
Traduzido por: Daniel Betting
30 de nov de 2017 18:13

Fabricantes japoneses negam rumores que apontam para uma possível aproximação com o piloto italiano para 2019

Recém terminou a temporada e com os principais protagonistas da MotoGP terminando seus contratos no final de 2018, o mercado piloto começará a ferver desde muito cedo.

Um dos que foi se valorizaram durante o recém-terminado campeonato foi Andrea Dovizioso. No entanto, nem as suas seis vitórias, nem o vice-campeonato, com luta pelo título até a última corrida parecem ser suficientes para que a Yamaha se concentre no piloto de Forli.

"Honestamente, não há nada de verdade em todos os rumores", diz Lin Jarvis, chefe da Yamaha. "Eu tenho um grande respeito por Andrea. No caso dele, não chegou por acidente, mas depois de cinco anos comprometidos com um projeto, ele cresceu com a moto e este ano tudo estava alinhado com Dovi e ele teve uma temporada fenomenal. Acho que sua melhor opção seja ficar na Ducati".

O italiano também não pareceu entrar nos planos da Honda, com quem pilotou de 2009 a 2011, antes de partir para a Yamaha Tech 3.

"Não é um segredo que no ano passado, quando havia a possibilidade de Dani Pedrosa deixar a Honda, conversamos com a Dovi", afirmou Livio Suppo, pouco antes de deixar a marca da asa dourada. "Nós gostamos dele e sabemos que ele é um bom piloto, ninguém no paddock esperava que ele fizesse uma temporada como fez. Na próxima temporada todo mundo tem pilotos sob contrato, então não há necessidade de falar".

Por sua parte, a Ducati está encantada com o trabalho desenvolvido pelo italiano nos cinco anos que esteve na estrutura de Borgo Panigale, embora a marca saiba que o valor do piloto cresceu exponencialmente nos últimos meses e as negociações serão diferentes do que foram na última renovação.

“O poder da negociação é marcado por seus resultados", diz Paolo Ciabatti."Um piloto com o histórico que Dovi acumulou este ano estará em uma posição muito boa na próxima vez que ele negociar. Tenho certeza de que, quando chegar a hora, teremos em conta que ele ganhou sete corridas conosco e esperamos que elas sejam mais".

Informações adicionais de Oriol Puigdemont

Galeria
Lista

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
1/10

Foto de: Toni Börner

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
2/10

Foto de: Toni Börner

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
3/10

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
4/10

Foto de: Toni Börner

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
5/10

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
6/10

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
7/10

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
8/10

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
9/10

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Andrea Dovizioso, Ducati Team

Andrea Dovizioso, Ducati Team
10/10

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Próxima MotoGP matéria
Yamaha de 2018 será baseada no modelo 2016, confirma Rossi

Previous article

Yamaha de 2018 será baseada no modelo 2016, confirma Rossi

Next article

Faltou uma equipe satélite em 2017, diz Suzuki

Faltou uma equipe satélite em 2017, diz Suzuki
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Andrea Dovizioso Shop Now
Equipes Ducati Team Shop Now
Autor Carlos Guil Iglesias
Tipo de matéria Últimas notícias