Iannone: "nunca me senti tão importante"

Italiano está encantado com projeto apresentado pela Suzuki que o coloca como o principal protagonista

Andrea Iannone reconheceu após a apresentação da Suzuki que nunca se sentira tão importante, sendo o primeiro piloto da equipe de Hamamatsu, embora diga que isso não lhe cause qualquer tipo de pressão.

"Não sinto nenhuma pressão, estou feliz por estar nesse projeto. Nunca me senti tão importante. A Suzuki tem me mostrado neste curto espaço de tempo toda a confiança em mim."

Sobre a moto, o piloto se sentiu muito confortável nos dois dias testes em Valência, no final do último campeonato.

"A Suzuki me ajuda a promover o melhor da minha condução. Desde o primeiro momento percebi seu grande desempenho nas curvas, que está no meu DNA. Estou muito feliz por ter encontrado esse ponto positivo. Espero tirar vantagem disso e ser competitivo."

Importância de Rins

Do outro lado estará Alex Rins, sete anos mais jovem do que ele e com pouca experiência na MotoGP.

No segundo dia de testes em Valência Rins sofreu um grave acidente que o impediu de completar os treinos, o deixando com uma lesão nas costas.

"Alex tem um grande talento e estou muito feliz por ele ser meu companheiro. Espero ajudá-lo a ir mais rápido. É importante que os dois estejam competitivos e desenvolver a moto o mais rápido possível", afirmou Iannone.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento Lançamento da Suzuki 2017
Pilotos Andrea Iannone
Equipes Team Suzuki MotoGP
Tipo de artigo Últimas notícias