Iannone surpreende favoritos e lidera no Catar

compartilhar
comentários
Iannone surpreende favoritos e lidera no Catar
Oriol Puigdemont
Por: Oriol Puigdemont , MotoGP Editor
Traduzido por: Daniel Betting
2 de mar de 2018 18:51

Italiano tirou o melhor tempo de Andrea Dovizioso nos minutos finais, rodando abaixo do recorde da pista

Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Bradley Smith, Red Bull KTM Factory Racing
Takaaki Nakagami, Team LCR Honda
Dani Pedrosa, Repsol Honda Team
Xavier Simeon, Avintia Racing
Mika Kallio, Red Bull KTM Factory Racing
Johann Zarco, Monster Yamaha Tech 3

Andrea Iannone quebrou todas as previsões no segundo dia no Catar. Quando pareceu que Andrea Dovizioso acabaria como o mais rápido, o piloto da Suzuki fez uma volta perfeita que o deixou 41 milésimos à frente de seu ex-companheiro.

Como aconteceu na quinta-feira, as primeiras horas não ajudaram muito - desta vez no asfalto ainda molhado pela chuva que caiu à noite - e depois de três horas, apenas nove pilotos haviam registrado tempo. A partir desse momento, começou a atividade real do dia e, na hora seguinte, todos os corredores foram à pista.

Assim, no meio do dia, Dovizioso assumiu a liderança (1min55s428). O italiano já era quatro décimos mais rápido que Maverick Viñales no primeiro dia. O italiano foi o primeiro a romper a barreira de 1m55s (1m54s734), quebrando assim o recorde do circuito, nas mãos de Jorge Lorenzo desde 2016.

Embora algumas gotas caíssem na pista, elas não impediram Zarco e Crutchlow de diminuir pouco depois de 1m54s. Dovizioso continuou a fazer o seu trabalho e conseguiu diminuir em um décimo seu tempo (1m54s627).

O piloto da Ducati chegou a liderar nos últimos minutos, mas um inspirado Iannone melhorou a volta de seu compatriota, o deixando como ontem, em segundo lugar. O terceiro foi Marc Márquez. O catalão estava longe das primeiras posições o dia todo. Na seção final, ele tentou uma nova versão da carenagem, mas foi ao chão momentos depois de estrear a peça.

Três pilotos conseguiram andar em 1m54s. Zarco - novamente melhor da Yamaha - precedeu Rins e Crutchlow. Pior ainda aconteceu com o líder do primeiro dia. Viñales hoje só conseguiu ser sétimo, apenas dois milésimos abaixo de seu tempo da quinta-feira, enquanto Rossi nem conseguiu entrar no top-10 (11º) completado por Petrucci (8º), Miller (9º) e Pedrosa (10º).

Neste sábado, a pré-temporada 2018 da MotoGP se encerra, com a última hora destinada a testar na pista molhada.

Próxima MotoGP matéria