Inconformado, Lorenzo diz que punição a Rossi foi leve

compartilhar
comentários
Inconformado, Lorenzo diz que punição a Rossi foi leve
Jamie Klein
Por: Jamie Klein
Traduzido por: Gabriel Carvalho
25 de out de 2015 10:18

Para espanhol, comissários deram punição branda ao italiano para manter disputa pelo título em aberto

Valentino Rossi, Movistar Yamaha MotoGP
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing

Como era de se esperar, o toque entre Valentino Rossi e Marc Marquez dominou a coletiva dos três primeiros colocados do GP da Malásia de Moto GP, realizado neste domingo (25). O evento só foi realizado após os comissários de prova terem anunciado a punição a Rossi - que largará em último no GP de Valência, mas mantém os pontos conquistados com o terceiro lugar em Sepang. 

Para Jorge Lorenzo, segundo na etapa malaia, a punição ao companheiro de equipe foi pequena, considerando a ação do italiano - que não compareceu à coletiva - na sétima volta da corrida. "Para ser honesto, não acredito que foi uma boa decisão (dos comissários), pois Valentino tirou Marc da prova e ainda assim manteve os 16 pontos conquistados aqui", disse.

“É inacreditável, não pude acreditar quando vi aquilo. Nunca passou pela minha cabeça, em toda a minha vida, fazer algo desse tipo. Valentino deveria, no mínimo, ter perdido os pontos. Sem o toque, Marc poderia ter terminado em terceiro ou quarto", afirmou Lorenzo, que citou ainda os motivos pelos quais ele acredita que os comissários foram lenientes com Rossi.

“O nome dele é importante para o campeonato, então não tiraram os pontos, Ele vai largar em último (em Valência), mas ainda ficou barato".

"Muitos perderam o respeito por ele"

Por fim, Lorenzo crê que, caso Rossi saia de Valência com o título, o campeonato não terminará da maneira mais 'limpa'. "Não será uma corrida justa, sabendo o que acoteceu aqui hoje. Se ele vencer, não será o campeão de fato e de direito neste ano", disse. 

"Muitas pessoas perderam o respeito por ele enquanto esportista. Ele pode ser o maior piloto da história, mas a visão que muitos têm dele como homem vai mudar", completou

Próxima MotoGP matéria
Rossi larga em último em Valência, mas mantém 3º da Malásia

Previous article

Rossi larga em último em Valência, mas mantém 3º da Malásia

Next article

Pedrosa espera que ação de Rossi não influencie pilotos jovens

Pedrosa espera que ação de Rossi não influencie pilotos jovens
Load comments