Jornalistas italianos rebatem Marquez e alegam agressão

Stefano Corti e Alessandro Onnis dizem que piloto da Honda e familiares agrediram dupla em incidente na frente da residência de piloto espanhol

O programa italiano "Le Iene" veiculou, na noite da última segunda-feira (2), o áudio do encontro de dois jornalistas do programa, Stefano Corti e Alessandro Onnis, com a família de Marc Marquez na frente da residência do piloto.

O conteúdo da gravação mostra o incidente entre os repórteres, parentes e amigos de Marquez, quando Corti e Onnis tentavam entregar uma taça ao piloto da Honda pelo incidente com Valentino Rossi no GP da Malásia. 

"Fomos para o local da residência de Marquez e estávamos esperando ele chegar. Mas na calçada, longe da casa", disse um jornalistas, utilizando um colar cervical. A dupla explicou ainda que a ideia era entregar a taça pessoalmente ao piloto, mas Alex Marquez, irmão do atual bicampeão e piloto da Moto2, jogou a peça no chão. 

Os momentos mais tensos, no entanto, aconteceram após a chegada de Julià Marquez, pai do piloto da Honda, que indagou a dupla italiana porque eles gravavam "sem autorização". Os repórteres, então, tentaram explicar que "era uma brincadeira", mas o pai de Marquez respondeu dizendo que aquilo "era uma merda".

Pouco depois, ouve-se o barulho de coisas caindo no chão e o pai do piloto da moto #93, ao saber que os jornalistas eram italianos, dizer que no país tudo se resumia à "Máfia e essa porcaria". A dupla alegou que Julià aplicou uma 'gravata' em um dos repórteres e a família Marquez conseguiu ficar com dois cartões de memória com as imagens do incidente.

O diário espanhol Marca publicou o áudio da discussão entre Corti e Onnis e a família Marquez.

No Twitter, a dupla publicou uma foto com os equipamentos quebrados:

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Valentino Rossi , Marc Marquez
Tipo de artigo Últimas notícias