Líder, Crutchlow não se surpreende com prova: “era esperado”

Britânico celebra liderança do mundial após batalha, e diz que tem que mirar top-5 a partir de agora

Tantas coisas ocorreram no GP da Argentina deste domingo (8), que a vitória de Cal Crutchlow acabou ficando em segundo plano. O piloto fez uma grande prova, aproveitando o momento certo para atacar seus rivais na disputa pelo primeiro posto.

No final, ele passou por Johann Zarco e segurou bem a liderança para garantir sua terceira vitória na carreira. Mas, para Crutchlow, o bom desempenho já era esperado.

“É bom vencer, mas era esperado, para ser honesto”, iniciou.

“Eu vim para este final de semana sabendo que poderia ser primeiro ou segundo disputando com Marc (Márquez), e terminamos vencendo. Estive confortável na batalha. Fiquei com pilotos que poderia passar rapidamente se precisasse, mas não precisei.”

“Não queria tomar nenhum risco, fiquei no vácuo e tive que cuidar do pneu dianteiro, que era muito macio para mim. Sabia isso desde o início, mas estava garoando.”

“Agora vamos para Austin e precisamos mirar no top-5, precisamos disso para sair de lá com bons pontos.”

Crutchlow está três pontos à frente de Andrea Dovizioso no mundial após duas etapas.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Argentina
Pista Autodromo Termas de Rio Hondo
Tipo de artigo Últimas notícias