Lorenzo diz que teve “sorte” após problema de freio no Catar

Piloto espanhol revela que ficou sem freio e caiu na brita para não acertar o muro em Losail

Tricampeão da MotoGP, Jorge Lorenzo teve um mau início no GP do Catar do último domingo. De nono no grid, ele caiu diversas posições devido a uma tendência da Ducati de empinar largando. O piloto se recuperou, mas, em seguida, sua moto desenvolveu problemas no freio dianteiro.

Com a questão piorando volta a volta, a falha foi o que levou ao abandono do espanhol. Lorenzo disse que teve “sorte" que o incidente aconteceu na curva 4 e não no fim da reta principal.

"Foi um problema com o freio", disse Lorenzo, cujo companheiro, Andrea Dovizioso, venceu a prova.

"Eu tive muita sorte, porque isso não aconteceu na primeira curva. Porque se acontecesse ali, seria a 300 km/h e teria sido uma história diferente. Eu tive sorte com isso, mas hoje temos zero pontos."

"Eu simplesmente senti que o nível do freio dianteiro estava piorando, depois de algumas voltas eu não tinha mais freios. Eu precisava tentar usar menos o freio dianteiro e mais o traseiro.”

"Infelizmente, quando cheguei na curva 4, na primeira parte o freio estava bem, mas de repente eu simplesmente perdi completamente do freio. Fiquei sem freio.”

"Eu estava indo muito rápido para a brita e para a parede. Joguei a moto no chão para evitar bater na parede."

Bom ritmo na segunda parte da prova

Em sua primeira temporada com a Ducati no ano passado, Lorenzo geralmente era forte no início das corridas e perdia rendimento no final. Desta vez, Jorge se sentiu mais forte na segunda metade.

"Pela primeira vez, senti que tive uma segunda parte melhor de corrida com a Ducati, mas infelizmente não consegui provar isso porque caí", disse ele.

"Eu passei Jack Miller muito rápido. Eu estava me aproximando muito rápido de Andrea Iannone. Eu estava pegando o primeiro grupo muito rápido e estava ficando mais rápido com uma sensação mais confortável.”

"Eu acho que eu poderia lutar para ficar com o grupo da frente, não fosse o problema de freio. Eu não sei, tudo era possível. Vencer a corrida, terminar em terceiro ou em quinto". 

Reportagem adicional por Khodr Rawi

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP do Catar
Sub-evento Domingo - Corrida
Pista Losail International Circuit
Pilotos Jorge Lorenzo
Equipes Ducati Team
Tipo de artigo Últimas notícias