Lorenzo: F1 e MotoGP podem aprender uma da outra

Espanhol da Ducati acredita que as duas categorias se complementem em pontos a serem melhorados

Com um grande espetáculo dentro da pista, a MotoGP tem cada vez mais conquistado os fãs. Anos como 2016 – no qual nove pilotos diferentes venceram – fizeram a popularidade da categoria aumentar. Enquanto isso, a Fórmula 1 vive um momento difícil esportivamente, com a Mercedes dominando os três últimos campeonatos.

Por outro lado, a F1 tem um ambiente mais profissional fora da pista, com contratos maiores e mais espaço para os pilotos no paddock, algo que não ocorre na MotoGP. Para Jorge Lorenzo, os dois campeonatos deveriam aprender com seus defeitos.

“A F1 pode aprender com a MotoGP na pista e a MotoGP pode aprender com a F1 fora da pista”, falou Lorenzo ao site Crash.net.

"Por exemplo, acho que o MotoGP é o maior espetáculo do esporte a motor neste momento. Ela é muito mais espetacular e muito mais divertida do que a Fórmula 1.”

“Mas o paddock da F1 é muito inteligente e não há tantas pessoas, e isso é muito melhor. Os pilotos podem andar livremente no paddock.”

"Não posso andar como antes no paddock da MotoGP, porque há muita gente. Tenho de pular do meu box para meu motorhome. Não posso passar nem um minuto no paddock, porque é impossível. Não ando um metro sem tirar uma foto com um fã."

"As equipes da F1 também são mais profissionais com os patrocinadores, os patrocinadores também são diferentes – têm um perfil superior ao do MotoGP", continuou Lorenzo.

"Na minha opinião, a Fórmula 1 tem que aprender com a MotoGP na pista e a MotoGP com a F1 fora da pista."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP , Fórmula 1
Pilotos Jorge Lorenzo
Tipo de artigo Últimas notícias