Lorenzo: Mesmo sem vencer, já era melhor que Rossi na Ducati

compartilhar
comentários
Lorenzo: Mesmo sem vencer, já era melhor que Rossi na Ducati
12 de jun de 2018 11:46

Depois de triunfo com a Desmosedici, piloto espanhol esbanja confiança, mas entende que momento de Rossi no time foi mais complicado

Podium: race winner Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Podium: race winner Jorge Lorenzo, Ducati Team, second place Andrea Dovizioso, Ducati Team, third place Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Podium: third place Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team

Valentino Rossi embarcou no projeto da Ducati no final de 2010 com o objetivo de cumprir o sonho de vencer em uma moto italiana na MotoGP. O piloto Tavullia herdou uma Desmosedici que nas mãos de Casey Stoner conseguiu conquistar o título de 2007 e vinha ganhando corridas ininterruptas desde 2005 com o australiano, Loris Capirossi e Troy Bayliss.

No entanto, a chegada do nove vezes campeão mundial não foi como o esperado, e depois de duas temporadas em que ele foi apenas a três pódios, Rossi fez as malas para voltar para a Yamaha.

Já Lorenzo teve um começo igual ou mais difícil do que o de Rossi como Ducatista, com comparações surgindo entre os dois. Em seu primeiro ano com a Ducati, Valentino fez mais pontos, mas o espanhol fez mais pódios. A tendência se repete por ora no segundo, onde Lorenzo mal soma 41 pontos aos 58 que Rossi tinha após seis corridas.

Mas o que quer que aconteça nas 13 corridas de Lorenzo em seu time atual, ele já conseguiu algo que o 46 nunca conseguiu: vencer com a Ducati. O tricampeão da MotoGP, no entanto, defende que a seu período com a Desmosedici foi superior ao do seu antigo companheiro de equipe, e que a vitória no GP da Itália só vai destacar o trabalho realizado até agora.

"Mesmo que eu não tivesse conseguido essa vitória em Mugello, eu já tinha conseguido números melhores que Rossi com a Ducati", diz Lorenzo.

"Eu consegui muitas voltas na liderança e minha distância para o vencedor foi muito pequena, dependendo do caso."

"Também é verdade que são duas épocas diferentes, e agora há muito mais igualdade, e a Ducati é mais competitiva. A Desmosedici de Rossi foi provavelmente mais complicada do que esta, mas ela vinha de muitas corridas com Stoner. A moto foi vencedora", afirmou Lorenzo.

Próxima MotoGP matéria

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Jorge Lorenzo
Tipo de matéria Últimas notícias