Lorenzo rebate Rossi sobre necessidade de vitória na Áustria

compartilhar
comentários
Lorenzo rebate Rossi sobre necessidade de vitória na Áustria
Jamie Klein
Por: Jamie Klein
11 de ago de 2017 20:30

Heptacampeão da MotoGP disse que espanhol da Ducati precisaria vencer para salvar a temporada decepcionante

Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team

Dado o domínio da Ducati na temporada do ano passado, a corrida no Red Bull Ring foi discutida como um potencial local para o tricampeão Jorge Lorenzo conseguir sua primeira vitória na temporada. Na corrida de Brno, no fim de semana passado, Lorenzo foi impulsionado por uma nova carenagem, que ele acredita ter lhe dado meio segundo por volta.

Reconhecendo a ameaça crescente de um Lorenzo revitalizado, Valentino Rossi disse na quinta-feira que seu ex-companheiro estaria mirando a vitória na Áustria, para salvar ano decepcionante para a Ducati.

"Ele é um grande campeão e sabe que esta é uma chance importante para tentar vencer uma corrida, o que salvaria uma temporada decepcionante para ele", disse Rossi.

Nesta sexta-feira, Lorenzo rebateu Rossi dizendo que não vê na Áustria um potencial local para a primeira vitória da Ducati no ano e insistiu que ele não tem nada a provar.

"Valentino disse que tenho que ganhar aqui para salvar minha temporada - não preciso salvar nada e não preciso vencer aqui", disse. "Eu sempre tenho que fazer melhor, entender a moto cada vez mais que o resto virá. Eu ainda preciso entender como frear melhor, acelerar melhor, então os resultados virão sem problemas”, completou.

"Não é o caso de conseguir meu melhor resultado aqui. Tenho que estar mais perto dos primeiros colocados, e na MotoGP não é fácil vencer".

Lorenzo encerrou o dia de abertura de atividades na Áustria com o quinto melhor tempo, meio segundo atrás do companheiro de Ducati, Andrea Dovizioso, mais rápido do dia.
Ele admitiu que o desempenho da GP17 não é tão forte quanto o esperado, com base no modelo do ano passado.

"Não somos tão rápidos quanto esperávamos, e a Ducati não tem a mesma vantagem que teve no ano passado", disse. "Estou perdendo estabilidade quando freio e perco demais para o Dovizioso”. "A vantagem que a Ducati tem na frenagem é uma das suas armas. Sobre este ponto, eu não tenho confiança para arasar as freadas", concluiu.

Relatos adicionais por Oriol Puigdemont

Próxima MotoGP matéria
MotoGP dá passo atrás e decide não rever velocidade nos pits

Previous article

MotoGP dá passo atrás e decide não rever velocidade nos pits

Next article

Redding nega que tenha assinado com Aprilia para 2018

Redding nega que tenha assinado com Aprilia para 2018

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Áustria
Localização Red Bull Ring
Pilotos Valentino Rossi Shop Now , Jorge Lorenzo Shop Now
Autor Jamie Klein
Tipo de matéria Últimas notícias