Lorenzo se vê sem pressão em luta pelo campeonato

compartilhar
comentários
Lorenzo se vê sem pressão em luta pelo campeonato
Valentin Khorounzhiy
Por: Valentin Khorounzhiy
20 de jun de 2018 13:52

Piloto espanhol da Ducati crê que ainda tenha boa velocidade para disputar título, apesar de desvantagem de 49 pontos para Márquez

Podium: Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Race winner Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Podium: Race winner Jorge Lorenzo, Ducati Team
Andrea Dovizioso, Ducati Team
Andrea Dovizioso, Ducati Team after the crash
Andrea Dovizioso, Ducati Team
Andrea Dovizioso, Ducati Team

Jorge Lorenzo se recuperou de um péssimo início de temporada em 2018 com vitórias seguidas em Mugello e Barcelona, mas continua a 49 pontos do líder Marc Márquez com sete corridas completadas de 19.

Uma recuperação de 49 pontos no campeonato seria sem precedentes no atual sistema de pontos da MotoGP, que foi introduzido em 1993 – sua maior recuperação foi a de Márquez de um déficit de 37 pontos após seis corridas no ano passado.

O editor recomenda:

"A má notícia é que estamos muito longe dele", disse Lorenzo sobre sua diferença para Marquez, em Barcelona. “A boa notícia é que ainda temos muitas corridas até o final”.

“Antes de Mugello era quase impossível, agora é possível, mesmo que seja muito, muito difícil. Mas nós temos nossa chance.”

Mugello e Barcelona são duas pistas que tradicionalmente favorecem Lorenzo, e o espanhol teme perder pontos para Márquez em Assen – uma pista em que tem apenas um pódio desde 2011.

"Honestamente, este campeonato muda tanto, que eu também posso perder muitos pontos em uma corrida difícil", ele admitiu. "Assen, por exemplo, é uma pista que no momento eu não tenho obtido bons resultados. No ano passado não foi muito bom.”

“Mas honestamente nossa moto agora é muito competitiva, me sinto ótimo e provavelmente temos a Ducati mais completa de todas. Então isso também é um bom sinal, vamos ver. O bom para nós é que não temos pressão. Nós não temos nada a perder. Marc tem um pouco de pressão nesse aspecto, não?”

O companheiro de equipe de Lorenzo, Andrea Dovizioso, entrou na temporada entre os favoritos para lutar com Marquez, e venceu na estreia no Catar. Mas uma série de três abandonos em quatro corridas o deixou em igualdade de pontos com Lorenzo no campeonato.

Assim como Lorenzo, o italiano admite que suas esperanças de título não estão boas se você as considerar "objetivamente", mas acredita que a MotoGP moderna é imprevisível o suficiente para permitir a possibilidade de uma recuperação.

"Se você for objetivo neste momento, tenho 49 pontos para Márquez e muitos pilotos estão na minha frente. Marc é muito consistente, ele é rápido em todos os lugares - não, não é possível", disse ele.

“Mas não acho que seja a realidade. Porque em todas as corridas tudo pode acontecer. Você sabe, porque é fácil cometer um erro. Todo mundo está no limite, o clima pode criar outras situações.”

Next article
Viñales: Estilo de Zarco “irrita” Yamaha de 2018

Previous article

Viñales: Estilo de Zarco “irrita” Yamaha de 2018

Next article

VÍDEO: Veja a forte largada de Iannone no GP da Catalunha

VÍDEO: Veja a forte largada de Iannone no GP da Catalunha
Load comments