Lorenzo: “surpreso” com falta de ritmo em primeiro dia

Jorge Lorenzo revelou que precisa mudar estilo de pilotagem para conseguir extrair o máximo da nova GP17 e se mostrou surpreso por terminar primeiro dia em Sepang longe dos ponteiros

Uma das decepções do primeiro dia de teste de pré-temporada da MotoGP em Sepang foi Jorge Lorenzo. O espanhol terminou os trabalhos desta segunda-feira (30) apenas com o 17º posto, a 1s669 de Casey Stoner, piloto de testes da Ducati, o mais rápido do dia.

Andrea Dovizioso foi o segundo e Alvaro Bautista, da Aspar - time satélite da Ducati - terminou em quarto. Hector Barberá, Danilo Petrucci e Scott Redding também ficaram à frente de Lorenzo, que superou apenas Loris Baz dentre os pilotos com motos da fabricante italiana no primeiro dia de atividades na Malásia.

Após a atividade, Lorenzo admitiu que ainda tem trabalho a fazer para adaptar o estilo de pilotagem à versão mais recente da GP17 - no primeiro contato com a nova moto, durante os testes de pós-temporada em Valência, o tricampeão da MotoGP teve uma vida mais tranquila.

"Em Valência tudo foi mais fácil, pois pilotei mais ou menos da mesma forma que estava acostumado nos últimos nove anos e os tempos de volta foram bons. Aqui, porém, pilotar da mesma maneira tornou as coisas muito mais difíceis. Entendo, então, que esta moto requer um estilo de pilotagem diferente do que eu estava acostumado", disse.

"Fiz minha melhor volta com pneus usados e temperatura alta, então acredito que poderia ter melhorado alguns décimos. Mas ainda há muito trabalho pela frente, especialmente nas freadas", afirmou.

"Estou perdendo muito tempo nas freadas. Esta moto requer um estilo totalmente diferente, então até que eu aprenda a extrair o máximo dela será difícil figurar entre os mais rápidos", reconheceu.

Questionado se estava desapontado com o próprio desempenho, Lorenzo respondeu: "Desapontado não, mas surpreso. Esperava algo mais ou menos como em Valência, mas eu estive muito longe daquilo."

“O que me deixa confiante é que fizemos grandes avanços durante o dia. Além disso, ver três Ducatis nas primeiras posições mostra que a moto tem potencial para ser veloz, pelo menos em uma volta. Aos poucos nos aproximaremos e amanhã seremos melhores - se o clima permitir", completou.

Reportagem adicional por Oriol Puigdemont

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento Teste de pré-temporada em Sepang
Pista Sepang International Circuit
Pilotos Jorge Lorenzo
Equipes Ducati Team
Tipo de artigo Últimas notícias