Manobra de Lorenzo no GP da Alemanha irrita Petrucci

compartilhar
comentários
Manobra de Lorenzo no GP da Alemanha irrita Petrucci
Por: Daniel Betting
16 de jul de 2018 19:57

Italiano diz que embate com piloto espanhol prejudicou suas chances de pódio no GP da Alemanha; confira os destaques do Sala de Imprensa desta semana

Galeria
Lista

Danilo Peytrucci: “Ele [Lorenzo] saiu na curva 1, eu estava por dentro, bastante calmo. Mas então ele me viu, e acho que decidiu me tocar, porque ele me tocou no meu pneu dianteiro.”

Danilo Peytrucci: “Ele [Lorenzo] saiu na curva 1, eu estava por dentro, bastante calmo. Mas então ele me viu, e acho que decidiu me tocar, porque ele me tocou no meu pneu dianteiro.”
1/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

"Acho que ele me viu e fez, eu acho, não voluntariamente, mas com certeza ele não tentou me evitar. E perdemos um segundo.”

"Acho que ele me viu e fez, eu acho, não voluntariamente, mas com certeza ele não tentou me evitar. E perdemos um segundo.”
2/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

“Com certeza Lorenzo não foi tão inteligente para fazer essa linha na curva 1, porque eu vi o mesmo com Rossi, ele estava por fora, e eu não sei qual era o pensamento dele.”

“Com certeza Lorenzo não foi tão inteligente para fazer essa linha na curva 1, porque eu vi o mesmo com Rossi, ele estava por fora, e eu não sei qual era o pensamento dele.”
3/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Marc Márquez: “Foi bem difícil, principalmente no início, porque a largada não foi perfeita. Eu perdi duas posições, e aí passar os pilotos da Ducati foi muito difícil. Depois que eu passei eu comecei a dar o máximo.”

Marc Márquez: “Foi bem difícil, principalmente no início, porque a largada não foi perfeita. Eu perdi duas posições, e aí passar os pilotos da Ducati foi muito difícil. Depois que eu passei eu comecei a dar o máximo.”
4/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

“Eu vi Valentino [Rossi] chegando, e, ao mesmo tempo, eu tentei administrar os pneus. Quando eu vi que ele estava a 0s6, eu falei: ‘ok, agora é hora de dar o máximo’. Aí eu fiz minhas melhores voltas da corrida, e aí consegui manter um bom ritmo. Mas nove vitórias seguidas aqui é incrível.”

“Eu vi Valentino [Rossi] chegando, e, ao mesmo tempo, eu tentei administrar os pneus. Quando eu vi que ele estava a 0s6, eu falei: ‘ok, agora é hora de dar o máximo’. Aí eu fiz minhas melhores voltas da corrida, e aí consegui manter um bom ritmo. Mas nove vitórias seguidas aqui é incrível.”
5/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Valentino Rossi: “Normalmente Sachsenring é uma pista difícil para a M1, mas conseguimos um pódio duplo. Por isso, estou feliz com o trabalho do time inteiro. Estou muito feliz porque fiz uma corrida fantástica desde o início, não cometi nenhum erro.”

Valentino Rossi: “Normalmente Sachsenring é uma pista difícil para a M1, mas conseguimos um pódio duplo. Por isso, estou feliz com o trabalho do time inteiro. Estou muito feliz porque fiz uma corrida fantástica desde o início, não cometi nenhum erro.”
6/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

“Desde a última semana eu assistia a última corrida aqui feita por Folger e falei: ‘ele foi bem com a Yamaha, nós temos que fazer o mesmo’. No final cheguei na mesma posição, estou feliz. E esta é uma ótima maneira de ir para as férias.”

“Desde a última semana eu assistia a última corrida aqui feita por Folger e falei: ‘ele foi bem com a Yamaha, nós temos que fazer o mesmo’. No final cheguei na mesma posição, estou feliz. E esta é uma ótima maneira de ir para as férias.”
7/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Maverick Viñales: “Na verdade, não. Não estou feliz com o terceiro lugar. É sempre o mesmo problema, na eletrônica na saída das curvas.”

Maverick Viñales: “Na verdade, não. Não estou feliz com o terceiro lugar. É sempre o mesmo problema, na eletrônica na saída das curvas.”
8/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

“Era impossível de lutar com as Ducatis, e por isso perdi umas sete ou oito voltas lutando com eles quando podia ser um segundo mais rápido.”

“Era impossível de lutar com as Ducatis, e por isso perdi umas sete ou oito voltas lutando com eles quando podia ser um segundo mais rápido.”
9/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Andrea Dovizioso: "Eu estava muito lento em duas curvas, porque decidimos não usar a potência para salvar os pneus. Eu pensei que seria positivo para nós, nós podíamos economizar pneus mais do que os nossos concorrentes, porque todos patinariam o pneu traseiro mais do que eu – e talvez no final eu fosse ter mais pneus.”

Andrea Dovizioso: "Eu estava muito lento em duas curvas, porque decidimos não usar a potência para salvar os pneus. Eu pensei que seria positivo para nós, nós podíamos economizar pneus mais do que os nossos concorrentes, porque todos patinariam o pneu traseiro mais do que eu – e talvez no final eu fosse ter mais pneus.”
10/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

"Mas a realidade foi que eu tive que usar muita energia para ganhar tempo em alguns outros pontos para permanecer no mesmo ritmo que o primeiro grupo. Achei que era a estratégia certa, mas no final perdi energia e não consegui andar de uma forma perfeita. No final não consegui ficar com a mesma intensidade.”

"Mas a realidade foi que eu tive que usar muita energia para ganhar tempo em alguns outros pontos para permanecer no mesmo ritmo que o primeiro grupo. Achei que era a estratégia certa, mas no final perdi energia e não consegui andar de uma forma perfeita. No final não consegui ficar com a mesma intensidade.”
11/11

Foto de: Gold and Goose / LAT Images

Next article
Sachsenring deve se manter na MotoGP em 2019

Previous article

Sachsenring deve se manter na MotoGP em 2019

Next article

Brigando por vaga na MotoGP, Bautista celebra 5º na Alemanha

Brigando por vaga na MotoGP, Bautista celebra 5º na Alemanha
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Alemanha
Autor Daniel Betting