Marco Simoncelli é condecorado como lenda da MotoGP em Mugello

Ex-campeão de 250cc em 2008 foi lembrado em evento pré-GP da Itália e se torna 21º piloto a receber homenagem

Morto durante a segunda volta do GP da Malásia de 2011, quando foi atropelado seguidamente por Colin Edwards e Valentino Rossi, Marco Simoncelli foi nomeado pela Dorna, organizadora da MotoGP, como a 21ª lenda da história do mundial de motovelocidade desde sua criação no ano de 1949.

O carismático piloto italiano, que usava a moto número 58, ganhou vários fãs por sua agressividade e garra dentro das pistas, o que por vezes acabava lhe fazendo cometer erros. O piloto foi notavelmente campeão de 250cc em 2008 com a Gilera (segunda equipe da Aprilia), mesmo tendo passado as duas primeiras corridas da temporada sem marcar nenhum ponto.

No total, Simoncelli acumulou 14 vitórias, 31 pódios e 15 pole positions em sua carreira no mundial de 2002 a 2011.

Nesta sexta-feira, o pai do piloto, Paolo, recebeu de Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna, e Vito Ippolito, presidente da FIM, a medalha de lenda pelo filho.

O último piloto a ser condecorado com a mesma cerimônia foi o australiano Casey Stoner.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Tipo de artigo Últimas notícias