Marquez admite que não estará 100% em Motegi

Um ano depois de garantir seu bicampeonato no GP do Japão, espanhol da Honda terá de correr com dedo quebrado

O ano de 2015 não vem sendo dos melhores para o espanhol Marc Marquez. O piloto caiu em nada menos que cinco corridas até agora (Argentina, Itália, Catalunha, Inglaterra e Aragon) e tem uma desvantagem de 79 pontos para Valentino Rossi, líder do mundial.

Para piorar, na última semana o piloto caiu treinando de bicicleta e quebrou o dedo mindinho da mão esquerda.

Apesar de ser apenas a mão do manete de embreagem (usada somente para largar na MotoGP), o piloto não crê que será fácil correr no Japão uma semana após se contundir.

"Como muitos de vocês sabem, na semana passada eu caí enquanto treinava na minha mountain bike com o meu irmão (Alex, piloto de Moto2) em Cervera", escreveu Marquez em seu blog pessoal.

"Foi muito azar, porque acabei quebrando meu dedo mindinho esquerdo. Felizmente, não é tão grave para me impedir de viajar ao Japão. Na verdade, já estou aqui.”

"Eu sei que não vou estar 100%, e o circuito de Motegi é muito exigente. Minha lesão certamente vai me causar dor.”

"No entanto, já estive com o Dr. Xavier Mir e parece que tudo está se curando bem.”

"Apenas por segurança, depois da operação fiquei mais tranquilo em casa e realmente não tenho feito nada. Isso foi o que o médico receitou."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP do Japão
Pista Twin Ring Motegi
Pilotos Marc Marquez
Tipo de artigo Últimas notícias