Marquez rebate Rossi: "dei 100% e lutei pela vitória"

Piloto da Honda responde às acusações de que teria feito acordo com Jorge Lorenzo e influenciado na disputa pelo título da temporada 2015 da MotoGP

Marc Marquez não demorou para responder às acusações feitas por Valentino Rossi, que disse ter certeza de que o piloto da Honda atuou como "guarda-costas" de Jorge Lorenzo, vencedor do GP de Valência, realizado neste domingo (8) e campeão da temporada 2015 da MotoGP.

"Se eu tivesse atuado como guarda-costas de Lorenzo, ficaria seis ou sete segundos atrás, não me arriscaria a seguir ele de perto. Seria muito mais simples, mas meu objetivo era vencer. Dei 100% e lutei pela vitória", disse.

A batalha entre Rossi e Marquez se tornou pública na coletiva de imprensa oficial do GP da Malásia, quando o italiano acusou o espanhol de reduzir o ritmo deliberadamente durante o GP da Austrália para permitir que Lorenzo se distanciasse - na última volta da prova, Marquez saiu de terceiro para primeiro e registrou a melhor volta da prova.

Em Sepang, Rossi e Marquez se envolveram em uma disputa feroz, que levou o espanhol para o chão. Como consequência, Rossi foi punido e largou em último em Valência. 

"Vocês sabem, ele já havia dito isso após Phillip Island. É algo que eu não entendo, pois em Phillip Island eu tirei cinco pontos de Lorenzo. Após a prova na Austrália, ele veio até mim, conversamos e demos um aperto de mão. Então ele chegou na Malásia e disse aquilo na coletiva", completou. 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP de Valência
Pista Valencia
Pilotos Valentino Rossi , Marc Marquez
Equipes Yamaha Factory Racing , Repsol Honda Team
Tipo de artigo Últimas notícias