Moto da Yamaha é "muito perigosa" na chuva, diz Rossi

Italiano admite que poderia ter facilmente sofrido um acidente neste domingo em Sepang

Valentino Rossi e Maverick Viñales, passaram a temporada 2017 com dificuldades com a moto da Yamaha em condições chuvosas.

Enquanto se classificaram em quarto e quinto em pista seca no sábado em Sepang, eles não conseguiram ser competitivos durante a prova realizada em pista molhada.

Rossi caiu para o 11º lugar depois da largada e lutou para chegar em sétimo, mais de meio minuto após o vencedor, Andrea Dovizioso.

O italiano confirmou que estava com os problemas habituais, o que era "frustrante", e disse que não foi uma corrida segura com a moto da Yamaha no molhado.

"Não tivemos nenhuma aderência, estava muito difícil andar de moto aqui e também muito perigoso", disse Rossi.

"Você tinha a sensação clara de que, se você tentasse um pouco mais, você cairia, como em Motegi."

"Na sexta-feira, no molhado, tive alguns problemas, mas eu era sexto."

"Sinceramente, modificamos muito a moto e estava otimista que funcionaria, mas infelizmente eu tinha exatamente o mesmo problema na corrida que tinha na sexta-feira."

"Então, esta moto no molhado é muito difícil de guiar, é impossível, não temos aderência e você arrisca muito."

"É uma pena porque precisávamos de um bom resultado e acho que no clima seco eu estava competitivo. Durante todo o fim de semana eu estava bastante forte, então poderia ter feito uma boa corrida."

"Mas infelizmente houve chuva. Você precisa estar pronto em todas as condições e eu esperava dar um passo à frente, em comparação com Motegi, mas na realidade, não deu."

Relatos adicionais por Oriol Puigdemont

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Malásia
Pista Sepang International Circuit
Pilotos Valentino Rossi , Maverick Viñales
Equipes Yamaha Factory Racing
Tipo de artigo Últimas notícias