MotoGP e Rio de Janeiro assinam “acordo preliminar” para GP

compartilhar
comentários
MotoGP e Rio de Janeiro assinam “acordo preliminar” para GP
15 de jun de 2018 15:53

Brasil pode voltar ao calendário do Mundial de Motovelocidade se novo circuito em Deodoro for concluído a tempo

A MotoGP e a empresa Rio Motorsports assinaram um "acordo preliminar" que visa levar a categoria de volta ao Brasil a partir de 2021 no novo autódromo a ser construído em Deodoro, no Rio de Janeiro.

O autódromo, que foi prometido pela Prefeitura do Rio de Janeiro desde o início da desmontagem de Jacarapaguá, não teve suas obras iniciadas até hoje. No entanto, a Rio Motorsports quer assumir o projeto de R$ 850 milhões para finalizar a pista no terreno, já com o solo limpo pelas forças armadas, que utilizava o local para treinamento militar.

“Gostaríamos de ver o retorno do MotoGP ao Brasil e este memorando de entendimento é uma notícia fantástica para os fãs do campeonato na América do Sul”, afirma Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna Sports.

“Nós temos um esporte verdadeiramente global - paddock e grid – e adicionar outro país ao nosso calendário - especialmente um como o Brasil - é sempre algo a se aspirar.”

"Seria um prazer para a MotoGP correr em um país e em um continente conhecido pela sua paixão e atmosfera incrível."

Chefe da Rio Motorsports, JR Pereira agradece a confiança da Dorna.

“As pessoas do Rio sempre receberam os eventos da MotoGP com grande entusiasmo”, comentou JR Pereira, da Rio Motorsports.

“Estamos satisfeitos com o sério interesse da Dorna em voltar ao Brasil e sua confiança em promover a corrida na pista que esperamos que seja construída na cidade. O Rio de Janeiro tem vocação para receber grandes eventos de automobilismo, com o mesmo nível de conhecimento demonstrado em grandes eventos esportivos e culturais realizados na cidade.”

A MotoGP correu pela última vez no Brasil na antiga pista de Jacarepaguá entre 1995 e 2004.

O Brasil chegou a entrar no calendário em 2014, mas para uma corrida a ser realizada em Brasília. No entanto, com as obras do autódromo não sendo concluídas até hoje, a prova não ocorreu.

Próxima MotoGP matéria
Rossi: Não contar com Lorenzo na luta pelo título é estúpido

Previous article

Rossi: Não contar com Lorenzo na luta pelo título é estúpido

Next article

Lorenzo voa no fim e lidera sexta-feira na Catalunha

Lorenzo voa no fim e lidera sexta-feira na Catalunha

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Tipo de matéria Últimas notícias