Puig: "Lorenzo nunca vai se acostumar com a Ducati"

compartilhar
comentários
Puig:
21 de mai de 2018 19:18

Para chefe da Repsol Honda, única saída para Jorge Lorenzo é trocar deixar a Ducati

Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Ducati Team

Alberto Puig foi contundente em suas declarações à Movistar MotoGP. O chefe da equipe Repsol Honda falou sobre os problemas que Jorge Lorenzo está enfrentando na Ducati.

O tricampeão da MotoGP ainda não conseguiu bons resultados na temporada 2018. Em Le Mans, Lorenzo liderou a corrida no início, mas perdeu posições e só conseguiu terminar em sexto. No momento, o espanhol está em 14º na classificação com apenas 16 pontos, 79 atrás do líder Marc Márquez.

“Acredito que o que vou dizer não é novidade. Lorenzo não se acostumou com esta moto. E ele não vai se acostumar. Ele sabe. Ele tomou a decisão de mudar de marca e está pagando as consequências, mas ao mesmo tempo ele tem que assumir isso”, disse.

“Você faz uma coisa por algo na vida, por qualquer motivo que seja, e é claro que não está se saindo bem, porque Lorenzo é um campeão. Ele ganhou cinco campeonatos mundiais e não pode estar onde está. Tenho grande respeito profissional por ele, porque acho que ele é um grande campeão, e é verdade que o campeonato o perdeu no sentido de que ele não está na frente”.

Para o diretor de esportes da Repsol Honda, o melhor para Lorenzo seria deixar a Ducati.

"Eu acho que, se você não está indo bem com esta moto, deve mudar. Campeões são pessoas com orgulho e coragem. Eu não acho que ele aceite que este seja seu nível. A única coisa que ele pode fazer é trocar de moto. Não sei se é viável para ele mudar, mas ele não pode estar nesse nível".

Próxima MotoGP matéria

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Jorge Lorenzo
Tipo de matéria Últimas notícias