Rossi ameaça não correr e critica Marquez: "mau perdedor"

Valentino Rossi diz não ter certeza se disputa decisão da temporada 2015 da MotoGP em Valência após polêmica com Marc Marquez no GP da Malásia

A 'guerra' entre Valentino Rossi e Marc Marquez no GP da Malásia pode fazer com que o italiano desista de disputar o GP de Valência e, consequentemente, abra mão da disputa do título da temporada 2015 da MotoGP. 

Como consequência do toque com o espanhol, Rossi levou mais três pontos de punição - que, somados ao que ele já tinha após a classificação do GP de San Marino (quando acabou atrapalhando Jorge Lorenzo, que vinha em volta rápida), vão fazer com que ele largue na última posição na prova que encerra o ano. Isso, claro, se o italiano decidir correr.

“Talvez eu não dispute a prova em Valência, preciso pensar. A punição foi injusta, eu não tive a intenção de causar a queda de Marquez. Repito: lamento por ele ter caído, só quis incomodá-lo (com a mudança de traçado)", disse. 

“Sempre fui um piloto 'limpo'. O primeiro ponto na minha licença veio após um pequeno erro de minha parte, que sequer prejudicou Lorenzo", afirmou o piloto da Yamaha.

Novas críticas a Marquez

Falando novamente sobre a teoria de que Marquez estaria favorecendo Lorenzo na disputa pelo título da temporada 2015, Rossi alega ter recebido a confirmação do empresário do espanhol, Emilio Alzamora, de que o atual bicampeão estaria agindo de maneira deliberada. 

“Como eu disse na quinta, isso está acontecendo pelo que aconteceu entre nós na Argentina e em Assen. Alzamora me contou que Marc acredita que eu sou o culpado por ele estar fora da disputa do campeonato. Marquez é, sem dúvida, um mau perdedor", completou o italiano. 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Malásia
Pista Sepang International Circuit
Pilotos Valentino Rossi , Marc Marquez
Tipo de artigo Últimas notícias