Rossi desiste de apelação contra punição em Sepang

Valentino Rossi comunicou à Corte Arbitral do Esporte que não seguirá recorrendo contra penalização recebida após confusão com Marc Marquez no GP da Malásia da MotoGP

Valentino Rossi colocou um ponto final na apelação que levara à Corte Arbitral do Esporte logo após o GP da Malásia, quando o italiano foi considerado culpado no incidente com Marc Marquez na sétima volta da prova em Sepang.

Com o recurso junto à Corte, Rossi pretendia anular a punição recebida após Sepang e largar normalmente em Valência, o que não aconteceu. 

Assim, Rossi partiu do último lugar na decisão da temporada, em Valência. O italiano terminou a prova em quarto, resultado insuficiente para conquistar o título, que ficou nas mãos de Jorge Lorenzo. 

A Corte Arbitral do Esporte anunciou, então, que Rossi desistiu da apelação. "Rossi informou à Corte que ele não deseja prosseguir com o recurso. Desta forma, o processo foi encerrado e a decisão da Federação Mundial de Motociclismo permanece vigente", anunciou o órgão, em comunicado.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Malásia
Pista Sepang International Circuit
Pilotos Valentino Rossi
Equipes Yamaha Factory Racing
Tipo de artigo Últimas notícias