Rossi dispara contra Márquez: “ele não é agressivo, é sujo”

55,324 visualizações

Piloto da Yamaha critica duramente ação do piloto da Honda e pede ação da direção de provas no caso

A polêmica entre Valentino Rossi e Marc Márquez, que se iniciou no campeonato de 2015, ganhou um novo capítulo em Termas de Rio Hondo neste final de semana. O espanhol tirou Rossi da pista em uma tentativa de recuperação após ter tomado um ride-through durante a corrida deste domingo (8).

Após a prova, o italiano disparou contra o espanhol.

“Estou bem sim, mas é uma situação muito ruim”, iniciou Rossi.

“Márquez destrói nosso esporte, ele não respeita nenhum outro piloto nunca. Desde sexta de manhã, ele fez coisas assim com Viñales, Dovizioso, comigo e nesta corrida ele fez com outras pessoas. Ele te bate na perna porque sabe que ele não vai cair, mas espera que você caia.”

“Estou com medo na pista quando estou com Márquez. Tenho medo quando vejo seu nome na placa. Sei que ele vai vir até mim. Você tem que esperar que não vai cair. Assim, ele vai destruir nosso esporte. Quando você anda a 300 km/h, você tem que respeitar os outros pilotos.”

"Eu não era forte, então por que você não me ultrapassa na próxima curva? Ele veio até mim e me bateu propositadamente na minha perna para me tirar da linha.”

“Eu não tenho qualquer relação com Márquez depois de 2015, não muda nada. Se ele não tem respeito por mim, eu não tenho respeito.”

“Sinceramente, eu não me sinto protegido da direção de provas. Nada acontece. Na próxima corrida, se nada acontecer agora, ele vai fazer o mesmo. Estou muito chateado. Eu não me divirto disputando com ele. Ele não joga limpo. Ele não é agressivo, ele é sujo.”

"É uma piada. Ele não tem coragem de ir sozinho ao meu escritório. Ele não se importa com você. Eu sei que não é verdade o que ele diz para mim."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Argentina
Pista Autodromo Termas de Rio Hondo
Tipo de artigo Últimas notícias