Rossi: "Marquez atuou como guarda-costas de Lorenzo"

Valentino Rossi volta a criticar não somente Marc Marquez pela postura dentro da pista, mas também acusa piloto da Honda e Jorge Lorenzo de terem feito pacto para batê-lo

Quarto colocado no GP de Valência, Valentino Rossi protagonizou uma corrida de recuperação, mas não conseguiu o resultado que o daria o título da temporada 2015 da MotoGP. Com a vitória de Jorge Lorenzo, o italiano precisaria chegar em segundo para conquistar a taça.

No entanto, a dupla da Honda terminou a prova entre os dois pilotos da Yamaha, com Marc Marquez e Dani Pedrosa - nesta ordem - completando o pódio no Ricardo Tormo. Embora Marquez tenha seguido Lorenzo de perto durante toda a prova, não houve nenhuma tentativa clara de ultrapassagem.

O bicampeão se justificou dizendo que o plano era atacar nas duas voltas finais, mas Pedrosa o atrapalhou. O argumento, pelo visto, não convenceu Rossi, que voltou a criticar duramente o piloto da moto #93.

"Hoje todos puderam ver o plano dele (Marquez), isso me entristece e é algo ruim para nosso esporte. Não entendo como um piloto da Honda permite que outro da Yamaha vença. Espero que este comportamento vire contra ele no futuro", disse um furioso Rossi, que acusou novamente Marquez e Lorenzo de terem conspirado contra a décima conquista do italiano.

“Estou chateado, pois Marquez atuou como guarda-costas de Lorenzo. Eu já havia dito na quinta-feira, que tinha certeza de que eles dariam continuidade ao plano deles. Estou certo de que eles se juntaram contra mim, assim como aconteceu no futebol", afirmou o vice-campeão, referindo-se ao "acordo nórdico", quando Suécia e Dinamarca teriam combinado o resultado do duelo entre as duas seleções para eliminar a Itália da Eurocopa de 2004.

Ainda sobre Lorenzo, o italiano demonstrou mágoa com o comportamento do espanhol e lamentou não poder ter lutado em igualdade de condições.

“Lorenzo é um piloto muito bom, teria sido legal lutar de igual para igual com ele. Mas, para mim, ele não pode estar feliz de ter vencido desta maneira. Não sei se Marquez protegeu Lorenzo porque ambos são espanhóis, mas é triste ver o que ele fez. Lorenzo jamais faria isso, mas pelo comportamento dele após a Malásia (quando ele tentou interferir no recurso impetrado pelo italiano), ele merece o mesmo tratamento de Marquez", afirmou.

Rossi concluiu a fala com um misto de tristeza e indignação após perder a chance de conquistar o décimo título no Mundial de Motovelocidade."Estou triste, tiraram uma grande oportunidade de minhas mãos e eu não merecia isso", completou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP de Valência
Pista Valencia
Pilotos Valentino Rossi , Jorge Lorenzo , Marc Marquez
Tipo de artigo Últimas notícias