Rossi não espera “nada de especial” com Marquez na pista

compartilhar
comentários
Rossi não espera “nada de especial” com Marquez na pista
Pablo Elizalde
Por: Pablo Elizalde
16 de mar de 2016 15:59

Italiano da Yamaha diz que rivalidade é boa para o esporte e Marquez desconversa em entrevista coletiva

Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Marc Marquez, Repsol Honda Team

A MotoGP voltou a se reunir hoje no circuito de Losail, no Catar, onde no domingo será disputada a primeira corrida do ano. A entrevista coletiva antes do início dos treinos marcou o reencontro de Valentino Rossi e Marc Marquez após o ano passado. Porém, nenhum dos dois se atacou durante o protocolo. Cordialmente, eles responderam às perguntas dos jornalistas.

"A rivalidade é sempre algo extra para o esporte a motor, mas acho que nada em particular ou especial vai acontecer", disse Rossi.

"Eu acho que na pista vai ser o mesmo. Todo mundo tenta dar o máximo para andar na frente, mas sem nada mais especial."

Marquez acrescentou: "como vimos no passado na MotoGP, às vezes você tenta bater o seu adversário, mas no final eu tenho 20 adversários aqui e devo lutar contra cada um deles para tentar ganhar o campeonato, que é o meu objetivo."

Rivalidade é boa para MotoGP

Apesar de ter perdido o título na última corrida como resultado da punição por seu toque com Marquez em Sepang, Rossi deu a entender que a controvérsia foi positiva e ajudou a impulsionar o interesse no esporte.

"Eu acho que nas últimas corridas do ano algo diferente aconteceu em comparação com o que é normal. Mas é passado, estamos aqui e esperamos ter outra boa luta."

Companheiro de Marquez na Honda, Dani Pedrosa concorda que a MotoGP se beneficiou da exposição extra.

"Eu acho que foi um grande momento para a MotoGP, talvez não tenha sido como todo mundo sonhou, mas foi grande", disse o espanhol.

"Valência estava super lotada e tivemos até arquibancadas extras para as pessoas. Venderam entradas a mais, foi positivo.”

"No geral, acho que podemos dizer que o número de fãs da MotoGP cresceu, e isso é o que nós procuramos."

Próxima MotoGP matéria
Smith diz que já foi comunicado de que não fica na Tech 3

Previous article

Smith diz que já foi comunicado de que não fica na Tech 3

Next article

Lorenzo não descarta Honda na briga pela vitória no Catar

Lorenzo não descarta Honda na briga pela vitória no Catar
Load comments