Rossi prevê batalha “selvagem” pelo pódio nos EUA

Piloto italiano crava quinto tempo no grid, lamenta primeira fila perdida, mas vê corrida promissora à frente

Depois da prova polêmica na Argentina, Valentino Rossi se foca neste final de semana em fazer uma corrida mais normal em Austin. O piloto da Yamaha foi o quinto no grid neste sábado (21) nos EUA, e elogiou sua velocidade.

"Estou muito satisfeito por ter terminado entre os cinco primeiros, porque o meu ritmo também é bom", afirmou Rossi.

"Eu me sinto bem com a moto, embora ainda tenhamos que trabalhar. Eu adoraria largar na primeira fila, mas não forcei o limite em nenhuma freada."

Rossi dá valor ao fato de estar confortável com a M1, algo que ele não ocorreu na Argentina.

"Eu me sinto bem com a moto. Eu tinha o potencial de estar na primeira fila. É a melhor classificação da temporada até agora."

Pouco a pouco, Valentino está melhorando sua sensação com a Yamaha.

"No ano passado, tivemos um mau momento por causa do chassi da moto, o que me impediu de chegar a 100%. Depois disso, a Ducati e a Honda deram um passo à frente em eletrônica ", disse ele.

"A Honda e a Ducati investiram muito dinheiro no desenvolvimento de eletrônica. A Yamaha pode não fez o suficiente.”

"Márquez e Viñales ainda estão um pouco à frente, mas depois haverá uma luta selvagem pelo pódio com Crutchlow, Zarco e etc...", avisou.

O italiano também falou sobre a reunião de segurança, em que teve tensão com Marquez.

"A coisa mais importante sobre a comissão de segurança é que foi concluído que a partir de agora eles serão mais duros com as sanções. Especialmente em relação ao contato e principalmente na corrida. Foi bom porque nós dissemos o que pensávamos."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP das Américas
Pista Circuit of the Americas
Pilotos Valentino Rossi
Tipo de artigo Reactions